A ORAÇÃO É VIDA COM DEUS NO AMOR”

terça-feira, 25 de junho de 2013

A ORAÇÃO É VIDA COM DEUS NO AMOR”

Uma das mais belas definições da oração é isto:”A oração é vida com Deus no amor!”. Nós cristãos, muitas vezes, criticamos que as nossas orações são muito numerosas, apressadas e que não dedicamos a elas o  tempo necessário... Isto pode ser verdadeiro.Jesus criticou severamente a oração formal, aquela dos lábios somente, incapaz de mudar uma vida. Criticou também a oração de pedidos, enquanto pedimos  somente o que temos necessidade.. Jesus comparou esta oração com aquela dos pagãos, que não leva a nada.
De fato, nossa oração pode ser verdadeiramente ateia, isto é, sem Deus. Isto acontece quando na oração, procuramos aquilo que nos serve., mas não procuramos a Deus e à sua vontade. Jesus de fato, nos diz que o Pai sabe tudo aquilo de que temos necessidade, que Ele nos ama e que está pronto a doar-nos tudo; nos convida a procurarmos primeiramente , antes de tudo, o reino de Deus e a Sua justiça e tudo o mais nos será dado em abundancia!
No entanto, não quero dizer que não possamos rezar a Jesus pelas nossas necessidades, dizer a Ele tudo aquilo que nos oprime, procurar a Sua ajuda nas dificuldades. Ele mesmo nos exorta: “Pedi e vos será dado, procurem e recebereis, batam e vos será aberto, porque aquele que pede, recebe, e quem procura encontrará e quem bate à porta, vos será aberto (Mt 7,7)

Porem, se a nossa oração se refere somente ao pedir, então esta oração é ateia porque não busca a Deus, mas somente os Seus dons. Deus não deseja estar conosco somente quando temos necessidade Dele, mas deseja estar conosco sempre.
Muitos cristãos vivem a crise da oração. Estão convencidos de que não sabem rezar e de que não possuem tempo para a oração. Mas a verdade é outra. Estes procuram primeiramente resolver de um outro modo os próprios problemas, e se não conseguem, então experimentam com Deus, resolvê-los. Como se Deus fosse um “Pronto Socorro”.
Ainda que não tenham nenhuma necessidade, então não precisam também de Deus e não O procuram. Por isto se pode dizer que o verdadeiro problema da oração é o nosso relacionamento com Deus, a nossa Fé.
Existem diversas formas e maneiras de rezar. Para nós, a mais expressiva é a oração oral, com muitas palavras, textos e cânticos. Isto é um bem, mas não satisfaz mais o coração do homem de hoje. Os corações se enchem todos os dias de informações várias, de imagens: Há a necessidade de tranquilidade e de paz para encontrar-se com Deus. Por isto o sentido de todas as palavras, dos cantos, está no fato  de que a alma e o coração entrem num novo ritmo, aquele divino, para poder permanecer com Deus, na paz.
A oração mais correta para esta situação é certamente aquela de Adoração.Como cada nossa oração, como dissemos, pode tornar-se ateia, porque nelas ao invés de procurarmos a Deus, procuramos os Seus dons, a Adoração é qualquer coisa de particular. Se dedico o tempo a Jesus, Adorando-O no Santíssimo Sacramento do Altar, então eu procuro-O presente no Sacramento,  o Emmanuel, Deus conosco. Não O procuro pelos Seus dons.
Se eu O adoro, devo dizer que procuro sobretudo Ele, O bendigo e agradeço, O louvo e O exalto, porque Ele é o Senhor! A Fé e o amor são condições para a adoração. Nós não desejamos ficar muito tempo com quem não acreditamos e amamos.
Isto vale também para o nosso relacionamento com Deus. A fidelidade e o amor crescem, habitando entre uns e outros. E quanto mais cresce o amor para com alguém, tanto menos temos necessidade de palavras para compreendermos e cresce mais espaço para o silencio, que penetra no profundo do nosso coração e da nossa alma e se transforma em tranquilidade”em Deus” e não nas coisas que Ele nos deu.
Nestes tempos sem Deus, caracterizado pelo materialismo e de vária idolatrias, que na corrida frenética distanciam o coração humano da presença divina, acontece muitas vezes que muitos cristãos sentem-se sozinhos, com medo e na angustia, sem uma luz e uma saída, no sofrimento e na amargura, sem vida interior e sem um relacionamento com Deus. Neste caso, a Adoração é de primeira necessidade. Reconhecer Deus no próprio coração, colocá-Lo no primeiro lugar, escutá-Lo, ficar com Ele, repousar Nele, criar o espaço para Ele, colaborar com Ele servindo-se dos Seus dons, escutar e reconhecer-se Nele:esta é a necessidade absoluta do cristão de hoje. Reconhecer Deus nas Suas criaturas, acolhê-Lo com amor e colaborar com Ele, pode fazer somente quem sabe Adorá-Lo.
Com a adoração cresce e se aprofundam mais o relacionamento com Deus Criador e consigo mesmo, como seres criados e também em direção aos outros homens e em direção a tudo criado. O fato terrível que causa tantos conflitos: o homem de hoje encontra-se no caminho da destruição. E tudo isto porque se distanciou de Deus, da vida e da luz, da verdade e do amor!.
Sem Deus, o coração do homem não pode permanecer tranquilo, por isto aumenta a violência e a destruição.
No mundo, pode-se compreender o que acontece à criança que não experimentou o amor materno e paterno: e agora o procura de todos os modos, sem saber escolher os meios, mas antes , destruindo a si mesmo e os que estão à sua volta.


Pe. Slavko Barbaric – Adorem com o coração o Meu Filho.


Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by