Ensino do Padre Ljubo em Rimini, Itália

terça-feira, 4 de setembro de 2012




Queridos irmãos, queridas irmãs, a paz! O padre Ljubo Kurtovic, um sacerdote jovem e piedoso, que trabalhou em Medjugorje, fez esta palestra na Itália, no dia 12 de janeiro de 2007.

Eu vim de Medjugorje e pedi à Virgem Maria para vir comigo porque sozinho, sem Ela, não posso fazer nada. 

Há alguém aqui que nunca tenha ido a Medjugorje? (Levante a mão). Está bem. O importante não é estar em Medjugorje; o importante é viver Medjugorje no coração, especialmente Nossa Senhora. 

Como vocês sabem, Nossa Senhora apareceu pela primeira vez em Medjugorje no dia 24 de junho de 1981, na colina. Como testemunham os videntes, Nossa Senhora apareceu com o Menino Jesus nos braços. Ela vem com Jesus e nos leva a Jesus, nos conduz a Jesus, como disse muitas vezes em Suas mensagens. A Virgem apareceu a seis videntes e ainda está aparecendo a três deles; aos outros três, Ela aparece uma vez por ano, até chegar a aparecer a um só. Mas Nossa Senhora disse: “Eu vou aparecer e vou estar com vocês até quando o Altíssimo me permitir”.

Eu sou padre em Medjugorje há seis anos. Fui lá pela primeira vez em 1982 como peregrino, era ainda muito jovem.  Todo ano eu voltava de novo como peregrino, rezava a Nossa Senhora e posso dizer que, graças a Ela, me tornei um frade. Não há necessidade de ver Nossa Senhora com os olhos, Ela pode ser vista, entre aspas, mesmo não a enxergando com os olhos.

Certa vez, uma peregrina me perguntou: “Por que Nossa Senhora aparece somente aos videntes e não aparece também a nós?”. Os próprios videntes perguntaram o mesmo a Nossa Senhora: “Por que não aparece a todos, por que só a nós?”. Nossa Senhora disse: “Abençoados aqueles que não veem e creem”. Eu diria também aventurados aqueles que veem, porque os videntes têm uma graça gratuita, grátis, ver Nossa Senhora, mas isso não os torna em nada privilegiados em relação a nós, que não a vemos com os olhos, porque na oração podemos conhecer a Virgem, o Seu Imaculado Coração, a profundidade, a beleza e a pureza do seu amor. Ela disse numa mensagem: “Queridos filhos, o propósito de minhas aparições é que vocês sejam felizes”. 

Nossa Senhora não nos diz nada de novo, Medjugorje não serve para que nós, que lemos as mensagens de Nossa Senhora, saibamos mais do que os outros, mas Medjugorje é, acima de tudo, um dom de Deus para que vivamos melhor o evangelho. É por isso que Nossa Senhora está vindo.  Nós não encontramos nenhuma novidade nas mensagens. Nossa Senhora não acrescenta nada ao Evangelho ou aos ensinamentos da Igreja. Acima de tudo, Nossa Senhora veio para nos acordar. Como disse Jesus no Evangelho: “Quando o Filho do Homem vier na sua glória, será que vai encontrar fé sobre a terra?”. Esperamos que alguém, pelo menos uma pessoa no mundo, crerá em Jesus, quando Ele voltar na glória. Quando Ele irá voltar, isso eu não sei. 

Mas hoje nós rezamos pela fé. A fé pessoal está desaparecendo, por isso estão aumentando as superstições, os cartomantes, magos e outras formas de paganismo e todas as outras coisas do novo paganismo, moderno. Por isso, Nossa Senhora vem para nos ajudar, mas vem na simplicidade, como Deus veio na simplicidade. Sabemos que Jesus nasceu em Belém, de uma mulher, Maria, esposa de José, que chegou a Belém sem ruído, na simplicidade. Só os simples reconhecem que esta criança, Jesus de Nazaré, é o Filho de Deus, só os simples pastores e três Magos, que estavam buscando o sentido da vida. Hoje nós viemos aqui para nos aproximar de Nossa Senhora, para nos apegarmos ao seu Coração e ao seu amor. Nossa Senhora nos convida, em Suas mensagens: “Em primeiro lugar, rezem o Rosário”. Isso porque o Rosário é uma oração para os simples, uma oração comunitária, uma oração repetitiva. Nossa Senhora não tem medo de repetir muitas vezes: “Queridos filhos, satanás é forte, com o Rosário nas mãos o vencereis”.

Isso significa que, rezando o Rosário, vencereis satanás, apesar dele parecer forte. Hoje, em primeiro lugar, está ameaçada a vida. Nós todos conhecemos os problemas, as cruzes. Aqui nesta igreja, a esta reunião, não vieram apenas vocês, mas com vocês também vieram todas as pessoas, cada uma de suas famílias, todas as pessoas que você carregam no coração. Nós estamos aqui em nome de todos eles, em nome de todas as pessoas de nossa família que estão longe, que a nós nos parece que não acreditam, que não têm fé. Mas é importante não criticar, não condenar. Nós viemos para apresentar todos eles a Jesus e à Virgem Maria. 

Nós viemos aqui em primeiro lugar para permitir que Nossa Senhora mude o meu coração, não o coração do outro. Somos sempre levados, como seres humanos, a mudar o outro. Experimentemos dizer a nós mesmos: “Deus, com a minha força, com a minha inteligência não posso mudar ninguém”. Só Deus, só Jesus com a Sua graça, pode mudar, pode transformar, não eu. Eu só posso permitir. Como Nossa Senhora disse muitas vezes: “Queridos filhos, permitam! Permitam!”. Quantos obstáculos existem também em nós, quantas dúvidas, quantos medos que estão dentro de mim! Diz-se que Deus responde as orações imediatamente, mas o problema é que não acreditamos nisso. É por isso que Jesus dizia a todos que se aproximavam dele com fé: “Tua fé te salvou”.  Ou seja: “Tu me permitiste que eu te salve, que a minha graça te cure, que o meu amor te liberte. Tu me permitiste”. (a ser continuado)
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by