ORIENTAÇÃO ESPIRITUAL SOBRE O ARREPENDIMENTO - LITURGIA DIÁRIA , 28 DE MAIO DE 2014

terça-feira, 27 de maio de 2014

ORIENTAÇÃO ESPIRITUAL SOBRE O ARREPENDIMENTO
 
Como Deus é misericordioso e amoroso! Ele está pronto para perdoar todos os nossos pecados e espera com paciência a nossa cura e o arrependimento sincero.  Não é o número nem a severidade dos pecados que nos destrói, mas sim a falta de arrependimento. O que nos mata é o adiar do arrependimento, conforme dizem, a procrastinação. É isso que enfurece o Senhor, conforme escreveu São Paulo: “Mas, segundo a tua dureza e teu coração impenitente, entesouras ira para ti no dia da ira e da manifestação do juízo de Deus;O qual recompensará cada um segundo as suas obras ”. Romanos 2,5-6. O Senhor deseja a salvação e a felicidade eterna de todos, mas nós persistimos em nossos pecados e o arrependimento escapa pelos nossos dedos.  Através de muitas maneiras, uma força maligna nos afasta do arrependimento, muitas vezes sendo deixado de lado pela negligência e por uma falsa vergonha. Embora, francamente, devemos ter vergonha e medo do pecado, do pecado quando ele é cometido, pois depois deve-se escancará-lo e admiti-lo, pois cedo ou tarde, ele será revelado, nesta vida ou na outra, e então haverá muita vergonha e pavor, não só pelo pecado, mas também pelo julgamento final. Ser um pecador é um infortúnio comum. Não há ninguém sem pecado – apenas Deus não peca. Se pessoa não peca por ação, peca por palavras, se não peca por palavras, peca por pensamentos
Fomos concebidos em iniqüidade, a nossa própria natureza é corruptível, fraca, frágil, direcionada às paixões malignas, todas pecaminosas. Portanto, não devemos ter vergonha da confissão. Há cristãos que não se arrependem e não se confessam de forma alguma. Eles se esqueceram da misericórdia de Deus e do arrependimento por outra razão e dizem: “sou um grande pecador, incapaz de receber o perdão de Deus”.  Este desespero é um pecado mortal. Mas o mais terrível ocorre quando achamos que não temos nada para nos arrepender, imaginando que somos justos e salvos sem arrependimento. Não importa se vivemos de forma justa e piedosa, ainda assim não conseguimos ficar sem pecar, pois vivemos em um corpo e por isso nunca podemos abandonar o sentimento do arrependimento. Devemos manter a nossa mente sempre no inferno, isto é, devemos nos condenar como o pior dos ímpios, dignos do inferno, mas sem entrar em desespero. O Senhor não entra no coração do homem antes de sua limpeza através do arrependimento. Somente após confessar seus pecados, por ações ou pensamento, após o auto-julgamento de coração contrito por todos os pecados, julgando-se um grande pecador, é possível destruir todos os pecados do coração, e ainda sim é preciso considerar-se um grande pecador; esta é a única forma para o Senhor Deus visitar o coração e enchê-lo com sua palavra, alegria e amor
Normalmente, o homem tenta fazer pouco de seu pecado, transformando-o em algo menos repreensível do que é de fato, e isso é prejudicial à alma. Pois o pecado é a única razão da nossa separação de Deus, é uma barreira para o Seu amor. Assim, para chegar perto de Deus, a mente precisa desviar do pecado e de seu efeito devastador, deve apresentá-lo em cores obscuras. Devemos imaginar que qualquer pecado, grande ou pequeno, leva à danação eterna.E assim é. O pecado diante de Deus é uma abominação e o Senhor dá as costas a tudo que é pecaminoso. Deus pede para que nós, cristãos, sejamos santos, para que vivamos piedosamente, imitando-O em todas as coisas. Seríamos felizes com uma vida sem pecados graves, sem os grandes pecados mortais, mas não damos atenção a isso. O Senhor espera o nosso arrependimento. Venha, meu amigo, eu te espero.O arrependimento é o fundamento para a nossa salvação, não sejamos negligentes. O santo sacramento da confissão é uma fonte para o pecador ficar limpo para o Reino dos Céus
No batismo nascemos na água e no Espírito Santo, e na confissão renascemos nas lágrimas e no Espírito Santo.O Venerável Santo Efrém o Sírio disse: “O arrependimento é um grande tacho de cobre, que abriga o ouro e a prata”. Para manter e fortalecer este sentimento, a Igreja fornece uma mão auxiliadora, direcionando a pessoa no caminho do sacramento que purifica seus pecados. Este sacramento elimina o pecado humano da alma. A confissão elimina o passado e também extermina outro grande motivo para que o homem peque – o desespero. Assim, o Senhor misericordioso perdoa todos os pecados, então não se desespere, não tenha vergonha de expressar seus pecados e não diminua-os, arrependa-se com lágrimas e assim receberá o perdão de Deus por todos eles. Quem deseja proceder do sacramento do arrependimento para a comunhão necessita de uma preparação adequada, através do jejum e oração. O arrependimento pelos pecados é expressado com temor, na confissão diante de um padre, ou de forma escrita, caso o confessor seja surdo ou o fiel mudo, ou ainda por outras razões plausíveis. Depois, o sacerdote fornece o perdão pelos pecados. Algumas vezes, o sacerdote impõe uma penitência. A parte mais importante é ler a oração do sacramento, quando o sacerdote coloca sua estola na cabeça do penitente. Todos nós desejamos a salvação, mas poucas pessoas pensam sobre isso ou dão alguma importância para a questão
Para entrar no Céu, precisamos de muito trabalho duro e de frutos para a salvação, que para muitos são fardos. Por isso a obra para a salvação não pode ser deixada para depois. Poucos crescem espiritualmente, apesar de ser o desejo de muitos, e o desejo fica somente nas palavras. E Deus não precisa de palavras, mas sim de obras! Todos sabem que há apenas um caminho, estreito e apertado, que leva à salvação, o caminho sofrido conduz à salvação, já o espaçoso e pecaminoso conduz à destruição. Mas por ser o caminho cômodo, as pessoas se esquecem disso. O pecado é doce e fascinante, quase todos caem neste caminho por vontade própria, sem pensar em suas consequências, pois todos sabemos que as consequências são terríveis mesmo nesta vida: dores, doenças, todos os tipos de adversidades. No futuro, na vida após a morte, a alma do pecador não arrependido será aprisionada no inferno. Com base na Confissão, o Padre Confessor pode  recomendar o que a Igreja chama de "epitimia". Epitimia consiste de algumas orações, jejum, prostrações, boas obras, leituras piedosas etc...Ela pode também envolver a abstinência da Santa Comunhão durante um determinado período, até que as conseqüências do pecado tenham sido curadas na alma e o arrependimento total seja alcançado pelo fiel
É importante não considerar qualquer um desses elementos como meios de "pagar pelo pecado", ou como um castigo. Ninguém pode pagar  pelos  pecados cometidos, pois todos nos tornamos perdoados pela  graça de Deus.O objetivo da Confissão também não é a punição, mas sim a reconciliação com Deus. Epitimia é  um medicamento para a alma que o Padre Confessor faz uso com sua mão suave, trazendo o fiel para  um relacionamento mais íntimo com Deus. O fiel deve receber a medida de tal  tratamento e o abraçar com alegria, pois tal medicamento irá garantir uma recuperação rápida e adequada
 
 


LITURGIA DO DIA 28 DE MAIO DE 2014


PRIMEIRA LEITURA (AT 17,15.22–18,1)
Leitura dos Atos dos Apóstolos - Naqueles dias, 17,15os que conduziram Paulo levaram-no até Atenas. De lá, voltando, transmitiram a Silas e Timóteo a ordem de que fossem ter com ele o mais cedo possível. E partiram. 22De pé, no meio do Areópago, Paulo disse: “Homens atenienses, em tudo eu vejo que vós sois extremamente religiosos. 23Com efeito, passando e observando os vossos lugares de culto, encontrei também um altar com esta inscrição: ‘Ao Deus desconhecido’. Pois bem, esse Deus que vós adorais sem conhecer é exatamente aquele que eu vos anuncio. 24O Deus que fez o mundo e tudo o que nele existe, sendo Senhor do céu e da terra, ele não habita em santuários feitos por mãos humanas. 25Também não é servido por mãos humanas, como se precisasse de alguma coisa; pois é ele que dá a todos vida, respiração e tudo o mais. 26De um só homem ele fez toda a raça humana para habitar sobre a face da terra, tendo fixado os tempos previamente estabelecidos e os limites de sua habitação. 27Assim fez, para que buscassem a Deus e para ver se o descobririam, ainda que às apalpadelas. Ele não está longe de cada um de nós, 28pois nele vivemos, nos movemos e existimos, como disseram alguns dentre vossos poetas: ‘Somos da raça do próprio Deus’. 29Sendo, portanto, da raça de Deus, não devemos pensar que a divindade seja semelhante a ouro, prata ou pedra, trabalhados pela arte e imaginação do homem. 30Mas Deus, sem levar em conta os tempos da ignorância, agora anuncia aos homens que todos e em todo lugar se arrependam, 31pois ele estabeleceu um dia em que irá julgar o mundo com justiça, por meio do homem que designou, diante de todos, oferecendo uma garantia, ao ressuscitá-lo dos mortos”. 32Quando ouviram falar da ressurreição dos mortos, alguns caçoavam, e outros diziam: “Nós te ouviremos falar disso em outra ocasião”. 33Assim Paulo saiu do meio deles. 34Alguns, porém, uniram-se a ele e abraçaram a fé. Entre eles estava também Dionísio, o areopagita, uma mulher chamada Dâmaris e outros com eles. 18,1Paulo deixou Atenas e foi para Corinto - Palavra do Senhor
SALMO RESPONSORIAL  (Sl 148)
Da vossa glória estão cheios o céu e a terra
— Louvai o Senhor Deus nos altos céus, louvai-o no excelso firmamento! Louvai-o, anjos seus, todos louvai-o, louvai-o, legiões celestiais!
— Reis da terra, povos todos, bendizei-o, e vós, príncipes e todos os juízes; e vós, jovens, e vós, moças e rapazes, anciãos e criancinhas, bendizei-o!
— Louvem o nome do Senhor, louvem-no todos, porque somente o seu nome é excelso! A majestade e esplendor de sua glória ultrapassam em grandeza o céu e a terra
— Ele exaltou seu povo eleito em poderio; ele é o motivo de louvor para os seus santos. É um hino para os filhos de Israel, este povo que ele ama e lhe pertence
EVANGELHO (JO 16,12-15)
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo João - Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos - 12“Tenho ainda muitas coisas a dizer-vos, mas não sois capazes de as compreender agora. 13Quando, porém, vier o Espírito da Verdade, ele vos conduzirá à plena verdade. Pois ele não falará por si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido; e até as coisas futuras vos anunciará.14Ele me glorificará, porque receberá do que é meu e vo-lo anunciará. 15Tudo o que o Pai possui é meu. Por isso, disse que o que ele receberá e vos anunciará, é meu” - Palavra da Salvação

 
 
MENSAGEM DE NOSSA SENHORA EM MEDJUGORJE – “Convido-os, filhinhos: ajudem-Me com suas orações para aproximar o maior número possível de corações ao meu Imaculado Coração. Satanás é forte e, com todas as forças, deseja atrair a si e ao pecado o maior número possível de pessoas. Por isso, ele está de tocaia para, a cada momento, assaltar mais pessoas. Peço-Ihes, filhinhos, ajudem-Me para que Eu possa ajudar vocês. Eu sou a Mãe de vocês e os amo; por isso, desejo vir em seu auxílio” – MENSAGEM DO DIA 25.05.95
 

São GermanoA IGREJA CELEBRA HOJE , SÃO GERMANO, HOMEM DE ORAÇÃO E ESCUTA - Seu nome quer dizer ‘irmão’. Nasceu em 378 na França. Foi muito cedo para os estudos e acabou estudando Direito em Roma. Mas, seu grande desejo, era o de viver o Santo Evangelho. E foi pautando a sua vida na Palavra do Senhor. Homem de oração e escuta, era dócil e pronto para renunciar a si mesmo e optar pelo querer de Deus. Germano foi visitado pela Divina Providência. Foi eleito governador da alta Itália mas, de repente, com a morte do Bispo em sua terra natal, o povo e o clero o escolheram Bispo. São Germano renunciou à sua vontade e quis a vontade de Deus para sua vida. Promoveu a vida monástica e a evangelização na França. Foi um apóstolo de Jesus Cristo, cheio do Espírito Santo. Com o exemplo deste santo, aprendemos que precisamos viver como verdadeiros irmãos. São Germano, rogai por nós!

 


Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by