O EXTRAORDINÁRIO MILAGRE EUCARÍSTICO DE LANCIANO

segunda-feira, 10 de março de 2014



O EXTRAORDINÁRIO MILAGRE EUCARÍSTICO DE LANCIANO

A Hóstia converteu-se em Carne viva e o vinho em Sangue vivo
 

Por volta dos anos 700, na cidade italiana de Lanciano, viviam no mosteiro de São Legoziano os Monges de São Basílio, e entre eles havia um que se fazia notar mais por sua cultura mundana do que pelo conhecimento das coisas de Deus

Ele era perseguido todos os dias pela dúvida de que a hóstia consagrada fosse o verdadeiro Corpo de Cristo e o vinho o Seu verdadeiro Sangue. Certa manhã, celebrando a Santa Missa, mais do que nunca atormentado pela sua dúvida, após proferir as palavras da Consagração, ele viu a hóstia converter-se em Carne viva e o vinho em Sangue vivo

Sentiu-se confuso e dominado pelo temor diante de tão espantoso milagre, permanecendo longo tempo transportado a um êxtase verdadeiramente sobrenatural. Até que, em meio a transbordante alegria, o rosto banhado em lágrimas, voltou-se para as pessoas presentes e disse: Ó bem aventuradas testemunhas diante de quem, para confundir a minha incredulidade, o Santo Deus quis desvendar-se neste Santíssimo Sacramento e tornar-se visível aos vossos olhos

Carne e sangue conservados até hoje:
    
O Sangue está contido numa antiga ampola de cristal de rocha. Os Frades Menores Conventuais guardam o Milagre desde 1252, por determinação do Bispo de Chieti, Laudulfo, e por Bula Pontifícia de 12.05.1252. Antes disso, executavam essa tarefa os Monges Basilianos até 1176 e os Beneditinos de 1176 a 1252. Em 1258 os Franciscanos construíram o Santuário atual que em 1700 sofreu uma transformação do estilo românico gótico para o barroco. O Milagre foi colocado inicialmente em uma capela ao lado do altar principal, passando em 1636 para um altar lateral da Nave onde ainda se conserva a antiga custódia em ferro batido e placa comemorativa



Em 1902, o Milagre foi colocado no segundo tabernáculo do altar monumental construído no centro do presbitério pela população de Lanciano

Aos vários reconhecimentos eclesiásticos, seguem-se em 1970, 1971 e 981 os reconhecimentos científicos, executados pelo prof. Edoardo Luioli (livre docente em Anatomia e Histologia Patológica e em Química e Microscopia Clínica), coadjuvado pelo prof. Ruggero Berteli (Universidade de Siena). As análises, procedidas com absoluto rigor científico e documental de uma série de fotografias ao microscópio, deram estes resultados.
 

Constatação científica:
 

A Carne é carne verdadeira. O Sangue é sangue verdadeiro
 
A Carne e o Sangue pertencem a espécie humana
 
A Carne pertence ao Coração em sua estrutura essencial.
Na Carne estão presentes, em secções, o miocárdio, o endocárdio, o nervo vago e, pela expressiva espessura do miocárdio, o ventrícolo cardíaco esquerdo.
A Carne e o Sangue pertencem ao mesmo grupo sanguíneo AB
 
No Sangue foram encontradas as proteínas normalmente existentes e nas proporções percentuais idênticas às encontradas no sangue normal fresco.
No Sangue foram encontrados também os minerais cloro, fósforo, magnésio, potássio, sódio e cálcio
 
A conservação da Carne e do Sangue miraculosos, deixados em estado natural durante doze séculos e expostos aos agentes físicos, atmosféricos e biológicos constitui um Fenômeno Extraordinário
 
Concluindo, pode-se dizer que a Ciência, chamada a manifestar-se, deu uma resposta segura e definitiva a respeito da autenticidade do Milagre Eucarístico de Lanciano
 
E antes mesmo de redigirem o documento sobre o resultado das pesquisas realizadas em Arezzo, os Doutores Linoli e Bertellli enviaram aos Frades um telegrama dizendo: “E o Verbo se fez Carne!”



Jesus Cristo, o Pão da Vida :

Jesus Cristo antes de sua entrega total na Cruz, para a salvação do gênero humano, quis doar-se inteiramente na ceia eucarística. Para assim, permanecer no pão que dá a vida a todos aqueles que se aproximarem Dele e desejar comer e beber do seu sangue terem a vida eterna

Sim, Ele esta verdadeiramente na Eucaristia; é o Corpo de Cristo (Corpus Christi), vida para o mundo, atualização da Salvação. Pão que nutre o mundo e arrebata a todos da mão da morte. Queremos adorar o Senhor O Pão da vida, pois “os verdadeiros adoradores adorarão em espírito e verdade” (cf. Jo 4, 23)

Ao participarmos da ceia Eucarística, o Cristo une a nós. “A que ponto esta unidade é natural em nós, o mesmo Senhor declara: Quem come a minha carne e bebe o meu sangue, permanece em mim e eu nele (Jo 6, 56). Realmente, ninguém poderá estar em Cristo, se Cristo não estiver nele; isto é, Cristo somente assume em si a carne daquele que recebe a sua”. (Do Tratado sobre a Trindade, de Santo Hilário, bispo)

Não tenha receio de se aproximar de Cristo que se dar inteiramente a cada um de nós na Eucaristia, para a nossa purificação. Cristo quer estar todo unido a nós

Compartilhe este artigo, evangelize! :

Um comentário:

  1. Taí, para aqueles que não acreditam na Eucaristia!! Jesus tu és a verdade e o caminho!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by