O BRILHO DA MISERICÓRDIA DE DEUS - LITURGIA DIÁRIA , 12 DE MARÇO DE 2014

quarta-feira, 12 de março de 2014

 
O BRILHO DA MISERICÓRDIA DE DEUS

Pensamentos Consoladores de São Francisco de Sales

12/25 -  Como brilha a misericórdia de Deus na conversão de São Paulo e de Davi - Quando o Salvador veio ao mundo, era no tempo em que os judeus tinham chegado ao cúmulo da sua malícia, sem terem rei da sua nação e achando-se as leis do sacerdócio nas mãos de Annaz e de Caifás homens extremamente maus; era quando Herodes reinava e Pilatos possuía a Judéia. Foi neste tempo que Deus veio ao mundo, para nos livrar da tirania do pecado e da escravidão do nosso inimigo, sem a isso ser impelido senão pela sua imensa bondade, que O obrigou a comunicar-se aos homens desta forma. É certo que o Coração do nosso divino Salvador e Mestre estava cheio de misericórdia e ternura para com o gênero humano, e deu provas e admiráveis testemunhos disso, não só então, mas em outras ocasiões diversas, em que pela sua misericórdia realçou muito a sua grandeza, como se lê em muitos lugares das Escrituras

Quando perdoa a São Paulo, senão quando mais tinha pecado? Porque todos sabem que no tempo da sua conversão era quando estava com mais fúria contra Deus, e, não podendo impelir contra Ele a sua ira, a impelia contra a Igreja, mas com tanto furor, que fazia quanto podia para a exterminar. Spirans minarum et coedis in discipulos Domini; e sem embargo foi então que Nosso Senhor venceu a sua maldade e ingratidão pela sua misericórdia, que o tocou, converteu e perdoou todas as iniquidades no tempo em que menos o merecia

Oh! Deus meu, quão grande foi a Vossa misericórdia para com aquele santo  Apóstolo! Sem dúvida, nós vemos todos os dias efeitos semelhantes da bondade de Deus para com os pecadores; porque quando estão mais endurecidos no seu pecado e vivem como se não existira Deus, paraíso e inferno, é então que Deus abre as entranhas da piedade e misericórdia, dardejando-lhes um raio da divina luz nas almas, que lhe descobrem o miserável estado em que estão, afim de que se convertam. Nunca li a conversão de Davi sem me admirar de ver que este profeta, depois de ter cometido tão grandes pecados, estivesse perto de um ano sem fazer caso, dormindo um sono letárgico, sem despertar, nem notar o miserável estado em que se achava

Oh! Deus! teria sido de alguma forma mais tolerável o seu pecado, se o cometesse quando era pastor e guardava ovelhas: mas pecar depois de ter recebido tantas e tamanhas graças da sua divina Majestade, depois de ter recebido tantas luzes e favores, tendo feito tantas maravilhas e prodígios e sendo nutrido no seio da doce clemência e misericórdia de Deus; e afinal chegasse a cometer tão grandes pecados e permanecesse tanto tempo sem disso dar conta! oh! de certo, uma coisa digna de grande admiração. Cometeu muitos pecados, acumulando uns para se encobrir os outros e ficando assim jazendo no pecado perto de um ano, sem considerar o seu miserável estado, sem se lembrar de Deus. Eis pois o pobre Davi, por este esquecimento de Deus, sem nenhuma disposição para a graça, mas a bondade divina, vendo-o nesta cegueira, para o retirar do pecado, enviou-lhe o profeta Natan, o qual, querendo-lhe fazer conhecer a sua falta, se serviu duma parábola, dizendo-lhe que um homem rico, que possuía uma grande quantidade de ovelhas e bois, tinha roubado de um pobre uma ovelha, que ele tinha comprado, que alimentava em sua casa e a qual muito amava

Vede como o profeta lhe falava por uma terceira pessoa para lhe fazer reconhecer e confessar; mas como Davi estava em uma tão grande cegueira, que não via o seu pecado, não reparando que o profeta Natan se referia a ele, pronunciou sentença de morte contra o que tinha roubado a ovelha, condenando-o além disso a restituir o quádruplo. Considerai eu vô-lo peço, como Davi estava endurecido no pecado e nenhum remorso; mas para os pecados dos outros, muito bem os conhecia e sabia impor-lhes um castigo proporcionado à ofensa. Ora Natan, vendo que ele não reconhecia o seu pecado, disse-lhe que era ele que tinha roubado aquela ovelha, e então, entendendo Davi, disse: "Pequei contra o Senhor!" Peccavi Domini; e então lhe disse Natan; "Como confessaste o teu pecado, Deus perdoa-te e não morrerás"

Ora que maior efeito quereis ver da misericórdia divina do que este? Porque no momento em que Davi mais pecados tinha, foi quando lhe perdoou a sua iniquidade. Mas que mudança fez depois que reconheceu o seu pecado! Nada mais fazia do que gemer e chorar a sua cegueira; nunca se ouvia sair de sua boca senão esta frase: Pecavi, e gritando: Misericórdia! dizia este salmo de penitência: Miserere mei Deus. Há muitos outros exemplos da Sagrada Escritura semelhante a este, pelos quais Deus nos manifestou grandeza da sua misericórdia e de onde vemos a verdade destas palavras de Isaias: "Porque a malícia chegou ao seu auge, ser-lhe-á perdoada"

 

LITURGIA DO DIA 12 DE MARÇO DE 2014

PRIMEIRA LEITURA (JN 3,1-10)

LEITURA DA PROFECIA DE JONAS - 1A palavra do Senhor foi dirigida a Jonas, pela segunda vez: 2“Levanta-te e põe-te a caminho da grande cidade de Nínive e anuncia-lhe a mensagem que eu te vou confiar”. 3Jonas pôs-se a caminho da grande cidade de Nínive, conforme a ordem do Senhor. Ora, Nínive era uma cidade muito grande; eram necessários três dias para ser atravessada. 4Jo­nas entrou na cidade, percorrendo o caminho de um dia; pregava ao povo, dizendo: “Ainda quarenta dias, e Nínive será des­truída”. 5Os ninivitas acreditaram em Deus; aceitaram fazer jejum, e vestiram sacos, desde o superior ao inferior. 6A pregação chegara aos ouvidos do rei de Nínive; ele levantou-se do trono e pôs de lado o manto real, vestiu-se de saco e sentou-se em cima de cinza. 7Em seguida, fez proclamar, em Nínive, como decreto do rei e dos príncipes: “Homens e animais bovinos e ovinos não provarão nada! Não comerão e não beberão água. 8Homens e animais se cobrirão de sacos, e os homens rezarão a Deus com força; cada um deve afastar-se do mau caminho e de suas práticas perversas. 9Deus talvez volte atrás, para perdoar-nos e aplacar sua ira, e assim não venhamos a perecer”. 10Vendo Deus as suas obras de conversão e que os ninivitas se afastavam do mau caminho, compadeceu-se e suspendeu o mal, que tinha ameaçado fazer-lhes, e não o fez - Palavra do Senhor

SALMO RESPONSORIAL (SL 50)

Ó SENHOR, NÃO DESPREZEIS UM CORAÇÃO ARREPENDIDO!

— Tende piedade, ó meu Deus, misericórdia! Na imensidão de vosso amor, purificai-me! Lavai-me todo inteiro do pecado, e apagai completamente a minha culpa!

— Criai em mim um coração que seja puro, dai-me de novo um espírito decidido. Ó Senhor, não me afasteis de vossa face, nem retireis de mim o vosso Santo Espírito!

— Pois não são de vosso agrado os sacrifícios, e, se oferto um holocausto, o rejeitais. Meu sacrifício é minha alma penitente, não desprezeis um coração arrependido!

EVANGELHO (LC 11,29-32)

PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO +  SEGUNDO LUCAS - Naquele tempo, 29quando as multidões se reuniram em grande quantidade, Jesus começou a dizer: “Esta geração é uma geração má. Ela busca um sinal, mas nenhum sinal lhe será dado, a não ser o sinal de Jonas. 30Com efeito, assim como Jonas foi um sinal para os nini­vitas, assim também será o Filho do Homem para esta geração. 31No dia do julgamento, a rainha do Sul se levantará juntamente com os homens desta geração, e os condenará. Porque ela veio de uma terra distante para ouvir a sabedoria de Salomão. E aqui está quem é maior que Salomão. 32No dia do julgamento, os ninivitas se levantarão juntamente com esta geração e a condenarão. Porque eles se converteram quando ouviram a pregação de Jonas. E aqui está quem é maior do que Jonas” - Palavra da Salvação

 

MENSAGEM DE NOSSA SENHORA EM MEDJUGORJE – “Hoje, Eu os convido a renovarem o coração. Abram-se a Deus e dêem a Ele todas as dificuldades e as cruzes que vocês possuem, para que Ele possa transformar tudo em alegria. Filhinhos, vocês não podem abrir-se a.Deus se não rezarem. Por isso, de hoje em diante, decidam-se a consagrar um tempo do dia para se encontrarem com Deus, no silêncio. Assim, vocês serão capazes, com Deus, de testemunhar a Minha presença aqui. Filhinhos; não quero obrigá-los, mas dêem livremente seu tempo a Deus, como filhos Dele” - MENSAGEM DO DIA 25.07.89

 

Santo Inocêncio- Promotor da PazA IGREJA CELEBRA HOJE , SANTO INOCÊNCIO - O santo recordado hoje foi Papa da nossa Igreja nos anos de 401 a 417; nasceu perto de Roma. Pertencia ao Clero até chegar à Cátedra de Pedro. Trabalhou na construção de muitas igrejas, no culto aos mártires, elaborou e definiu os livros consagrados e inspirados da Bíblia. Dentre tantos acontecimentos, que marcaram o pontificado de Santo Inocêncio, foram três os que se destacaram: a luta contra o Pelagianismo; corrigiu um temível imperador; protegeu como pôde Roma dos invasores. Pelágio foi um monge que semeava a mentira doutrinal sobre o pecado original e outras mentiras que invalidavam a necessidade da graça e da redenção do Cristo. Santo Inocêncio, com a ajuda do Doutor da Graça – Santo Agostinho – e de outros mais condenou a heresia pelagiana. Quanto ao imperador, denunciou a traição deste para com São João Crisóstomo, e com relação aos invasores, que assaltaram Roma, Santo Inocêncio fez de tudo para afastar esses bárbaros da Cidade Eterna. Este grande santo, empenhado pela paz e conversão dos pagãos, é considerado um dos maiores Santos Padres do Cristianismo. Santo Inocêncio, rogai por nós!
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by