A REVOLUÇÃO DO MUNDO ATEU ENTROU NA IGREJA - LITURGIA DIÁRIA , 30 DE NOVEMBRO DE 2013

sábado, 30 de novembro de 2013

 
 
A REVOLUÇÃO DO MUNDO ATEU ENTROU NA IGREJA

 

O que fazer quando tudo parece imerso em uma confusão tremenda? O que fazer quando não parece subsistir nada de certo? O homem é feito para viver diante de Deus e em Deus encontrar a própria consistência e paz. Outrora, a Igreja Católica comunicava esta paz. Era o mundo, aquele distante de Deus, a estar em continua agitação, mas não a Igreja. A Igreja era a estabilidade

 

Era o mundo sem Deus a estar imerso em uma contínua Revolução, e esta Revolução contínua era amada pelas almas instáveis e desesperadas que, descontentes da vida, buscavam ansiosamente uma impossível novidade que apagasse o seu vazio interior

 

A Igreja não. Sempre igual a si mesma, estabelecida e pacífica na estabilidade de Deus, avançava no mar da história e era o navio seguro para as almas que não amavam a Revolução, reconhecendo-a falsa e enganosa . Era o mundo moderno que, não querendo depender mais de Deus e de nenhuma autoridade, criticava a Igreja acusando-a de não mudar nunca! Não acreditando em Deus, o mundo moderno não entendia a estabilidade da Igreja, porque no fundo não entendia a estabilidade de Deus

 

Assim, em meio a todas as terríveis revoluções, a Igreja com os seus santos, com a graça sobrenatural dos seus sacramentos, com a verdade imutável revelada por Deus e transmitida pela Tradição e pela Escritura, caminhava no mundo, arrancando todas as almas que podia da Revolução que mata, para levá-las a seu seio, na estabilidade da graça que edifica . Tantos eram atingidos pela maravilhosa paz que emanava da Igreja Católica, paz que convencia e convertia, paz que está entre os maiores sinais de Deus

 

Quantas conversões à Igreja Católica também no mundo protestante: eles tinham se adaptado à modernidade sempre mais ateia e indiferente, mas esta modernidade não dava paz e muitos, assim, retornavam à Igreja Católica. Descreve muito bem esta situação Carlo Lovera de Castiglione no seu famoso texto sobre “O movimento de Oxford”. Assim disse, falando da crise doutrinal desencadeada dentro da igreja anglicana na metade do século XIX : “… os fiéis, alguns não sabiam mais o que pensar, outros tomavam partido dos inovadores, muitos olhavam além dos confins da Igreja Estabelecida, para os Católicos Romanos, para os quais a serenidade da fé e a imutabilidade da doutrina se refletia na posse da verdade, plena de segurança e de paz” (Carlo Lovera di Castiglione, Il movimento di Oxford, Morcelliana 1935, pag. 220)

 

“A serenidade da fé e a imutabilidade da doutrina se refletia na posse da verdade, plena de segurança e de paz” : como são doces estas palavras. E a doçura própria de Deus que doa à Igreja aquela serenidade que todo coração busca . Mas agora tudo mudou… chegaram dias terríveis que a retórica politicamente correta dos cristãos amodernados não pode esconder: a Revolução do mundo ateu entrou na Igreja e está consumindo tudo . Não existe mais estabilidade,  parecemos ter entrado em uma perene Revolução que tudo muda continuamente: confusão nos ritos, confusão na doutrina, confusão na moral e confusão na disciplina. Não se sabe se a verdade de hoje durará até amanhã. Tantos padres e fiéis leigos correm afanosamente para não ficar para trás, para adaptar-se como podem a esta extenuante confusão

 

Quem busca verdadeiramente a Deus, nesta “Igreja revolucionária” , permanece terrivelmente sozinho. O que fazer neste clima asfixiante? E o que não fazer? Antes de tudo, é preciso não deixar-se tomar pela agitação, é preciso não reagir como os revolucionários : seria como curar o mal, que é precisamente a Revolução, com a própria doença. O espírito revolucionário, também quando pretende salvar o bem, não será jamais a solução . É preciso, antes, estar verdadeiramente fora da Revolução, vivendo integralmente o catolicismo naquela estabilidade que lhe pertencia antes que a Revolução invadisse tudo

 

Na confusão escura, nas trevas, urge decidir diante de Deus a viver como católicos, estavelmente . Por isso é preciso encontrar um lugar que te comunique a paz da fé em posse da verdade revelada. Um lugar onde é celebrada a Missa é celebrada com a máxima dignidade e piedoso zelo , onde Cristo é o centro , elegê-lo como referência para a própria vida, deixando-se educar por este lugar. Não viver agitado em uma luta perene, mas viver como católico na liturgia de sempre, na doutrina de sempre, na graça de sempre segundo os sacramentos de sempre; e assim realizar todo o bem que o Senhor nos permite cumprir

 

Isto será sempre possível na Igreja, isto a Igreja assegurará sempre, (apesar das tentativas diabólicas) ,  alcançar verdadeiramente a santidade, poder se instruir, em um grupo real, ainda que pequeno, sobre a doutrina imutável e sobrenatural, sob uma autoridade real e conservando a segurança que permanecerá sempre nos verdadeiros sacerdotes e nos Bispos fiéis, que não se demitiram (talvez mesmo sem notar) nas mãos das comissões e da colegialidade

 

Caríssimos, se vivermos assim, as trevas terríveis de hoje permanecerão fora dos nossos corações. Rezemos para que Nossa Senhora nos obtenha este refúgio, e que nós busquemos de lhe ser sempre mais dignos

 

 

 LITURGIA DO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2013
PRIMEIRA LEITURA (RM 10,9-18)

LEITURA DA CARTA DE SÃO PAULO AOS ROMANOS - Irmãos, 9se, com tua boca, confessares Jesus como Senhor e, no teu coração, creres que Deus o ressuscitou dos mortos, serás salvo. 10É crendo no coração que se alcança a justiça e é confessando a fé com a boca que se consegue a salvação. 11Pois a Escritura diz: “Todo aquele que nele crer não ficará confundido”. 12Portanto, não importa a diferença entre judeu e grego; todos têm o mesmo Senhor, que é generoso para com todos os que o invocam. 13De fato, todo aquele que invocar o Nome do Senhor será salvo. 14Mas, como invocá-lo, sem antes crer nele? E como crer, sem antes ter ouvido falar dele? E como ouvir, sem alguém que pregue? 15E como pregar, sem ser enviado para isso? Assim é que está escrito: “Quão belos são os pés dos que anunciam o bem”. 16Mas nem todos obedeceram à Boa Nova. Pois Isaías diz: “Senhor, quem acreditou em nossa pregação?” 17Logo, a fé vem da pregação e a pregação se faz pela palavra de Cristo. 18Então, eu pergunto: Será que eles não ouviram? Certamente que ouviram, pois “a voz deles se espalhou por toda a terra, e as suas palavras chegaram aos confins do mundo” - Palavra do Senhor

SALMO RESPONSORIAL (SL 18)

SEU SOM RESSOA E SE ESPALHA EM TODA A TERRA    

 

— Os céus proclamam a glória do Senhor, e o firmamento a obra de suas mãos; o dia ao dia transmite esta mensagem, a noite à noite publica esta notícia

 

— Não são discursos nem frases ou palavras, nem são vozes que possam ser ouvidas; seu som ressoa e se espalha em toda a terra, chega aos confins do universo a sua voz

EVANGELHO (MT 4,18-22)

PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO + SEGUNDO MATEUS - Naquele tempo, 18quando Jesus andava à beira do mar da Galileia, viu dois irmãos: Simão, chamado Pedro, e seu irmão André. Estavam lançando a rede ao mar, pois eram pescadores. 19Jesus disse a eles: “Segui-me, e eu farei de vós pescadores de homens”. 20Eles imediatamente deixaram as redes e o seguiram. 21Caminhando um pouco mais, Jesus viu outros dois irmãos: Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João. Estavam na barca com seu pai Zebedeu, consertando as redes. Jesus os chamou. 22Eles, imediatamente deixaram a barca e o pai, e o seguiram - Palavra da Salvação

 

 
 
 
Mensagem de Nossa Senhora em 2 de fevereiro de 2013 – “Queridos filhos; O AMOR está ME trazendo a vocês – o amor que EU desejo ensinar também a vocês – o amor real; o amor que MEU FILHO mostrou a vocês quando ELE morreu na cruz por amor a vocês; o amor que está sempre pronto a perdoar e a pedir perdão. Quão grande é o seu amor? MEU CORAÇÃO Maternal está triste quando ele procura por amor em seus corações. Vocês não estão prontos a submeter a sua vontade à Vontade de DEUS por amor. Vocês não podem ME ajudar a levar aqueles que não chegaram a conhecer o Amor de DEUS a conhecê-LO, porque vocês não tem amor real. Consagrem os seus corações a MIM e EU guiarei vocês. EU ensinarei vocês a perdoar, a amar seus inimigos, e a viver de acordo com o MEU FILHO. Não tenham medo de vocês mesmos. Nas aflições, MEU FILHO não esquece daqueles que amam. EU estarei ao seu lado. EU implorarei ao PAI CELESTIAL pela luz da eterna verdade e amor para iluminar vocês. Rezem pelos seus pastores para que através de sua oração e jejum, eles possam guiar vocês no amor. Obrigada” – Mensagem de Nossa Senhora em Medjugorje
 
 

 

A IGREJA CELEBRA HOJE , SANTO ANDRÉ APÓSTOLO - Hoje a Igreja está em festa, pois celebramos a vida de um escolhido do Senhor para pertencer ao número dos Apóstolos.  Santo André nasceu em Betsaida, no tempo de Jesus, e de início foi discípulo de João Batista até que aproximou-se do Cordeiro de Deus e com São João, começou a segui-lo, por isso André é reconhecido pela Liturgia como o “protocleto”, ou seja, o primeiro chamado: “Primeiro a escutar o apelo, ao Mestre, Pedro conduzes; possamos ao céu chegar, guiados por tuas luzes!”  Santo André se expressa no Evangelho como “ponte do Salvador”, porque é ele que se colocou entre seu irmão Simão Pedro e Jesus; entre o menino do milagre da multiplicação dos pães e Cristo; e, por fim, entre os gentios (gregos) e Jesus Cristo. Conta-nos a Tradição que depois do Batismo no Espírito Santo em Pentecostes, Santo André teria ido pregar o Evangelho na região dos mares Cáspio e Negro . Apóstolo da coragem e alegria, Santo André foi fundador das igrejas na Acaia, onde testemunhou Jesus com o seu próprio sangue, já que foi martirizado numa cruz em forma de X, a qual recebeu do santo este elogio: “Salve Santa Cruz, tão desejada, tão amada. Tira-me do meio dos homens e entrega-me ao meu Mestre e Senhor, para que eu de ti receba o que por ti me salvou!” - Santo André Apóstolo, rogai por nós
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by