Entrevista com Marija - parte II

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Queridos irmãos, queridas irmãs, a paz! Damos continuidade à entrevista com Marija Pavlivic Lunetti, uma dos seis videntes de Medjugorje. Quem quiser ler a primeira parte, é só acessar



Marija continua tendo aparições diárias da Santíssima Virgem Maria, que lhe revelou nove dos ‘dez segredos de Medjugorje’. É através desta vidente que a Gospa (“Nossa Senhora”, em croata) envia, todos os dias 25 de cada mês, Sua mensagem à paróquia e ao mundo. Marija é casada e tem 4 filhos. Ela vive em Monza, na Itália, e em Medjugorje.
Passemos à entrevista. 
Perg.: Alguns se pergunta o porquê de Nossa Senhora estar vindo por tanto tempo. Não compreenderam que Ela está vindo para chamar-nos de volta à oração e me parece ter compreendido que Ela mesma, com todo o Seu ser, é uma oração viva.
Resp.: Sim. Através de Nossa Senhora, nós aprendemos a não apenas aproximar-nos da Igreja. Eu era bastante religiosa porque venho, como todos nós, de uma família católica que tinha valores cristãos. Mas, com Nossa Senhora, nós aprendemos a viver a religião tradicional de um modo novo e profundo... faltam-me as palavras quando falo de Nossa Senhora! Aprendemos a viver a santidade. Pensávamos que a santidade fosse apenas para as freiras de clausura ou para alguns sacerdotes, não, por exemplo, para o nosso pároco. Mas, com Nossa Senhora, aprendemos que, na verdade, a santidade é para cada um de nós.
P.: Isso está de pleno acordo com o Concílio, que reiterou a chamada universal de todos os fieis à santidade.
R.: Nós, então, crescemos espiritualmente junto a Nossa Senhora... De certo modo, nos enamoramos dela. Especialmente no início, não digo que fôssemos dependentes, todavia a beleza de Seu rosto e a Sua voz, quando falava, nos atraíam... Depois, pouco a pouco, Ela nos levou a Jesus, à Igreja, à Eucaristia e nos fez descobrir um mundo muito grande, imenso. Costumamos dizer que chegamos a conhecer, com Nossa Senhora, apenas uma pequena parte...
P.: Você, Marija, está querendo dizer que Nossa Senhora não os fechou nela, mas os levou a Jesus Cristo e à Igreja. Nós, porém, não exaurimos ainda a nossa curiosidade em relação a Nossa Senhora e queremos conhecer ainda alguns detalhes. Como Nossa Senhora está vestida?
R.: Não se veste como nós hoje, porque vem com um vestido cinza, longo, com um véu branco sobre a cabeça.
P.: Tem também uma túnica?
R.: Digamos que Ela veste como que uma túnica, mas não se pode dizer que seja como uma túnica romana.
P.: O vestido é acinturado?
R.: Não, mas o vestido possui pregas ao longo do corpo.
P.: O vestido toca então no chão?
R.: Ele desaparece na nuvem.
P.: É decotado?
R.: Não.
P.: Não é decotado. 
R.: Sim.
P.: Faço essas perguntas porque penso que Nossa Senhora venha vestida de um modo castíssimo e puríssimo, que nos deve ensinar alguma coisa.
R.: Penso que se uma pessoa não apenas vê Nossa Senhora, mas se ela começa a rezar e a viver a fé de maneira concreta, então tudo se torna importante para ela, também a maneira de se vestir. Creio que uma pessoa que reza vinte e quatro horas e que escolheu o caminho da santidade, não usa uma saia curta ou decote. Foi isso que aprendi com Nossa Senhora. São coisas que não andam juntas.
P.: Também eu me importo muito com isso, porque também externamente devemos ser filhos de Maria. Tem então um véu branco sobre os cabelos. Consegue-se ver os cabelos?
R.: Sim.
P.: Como são?
R.: Negros, longos.
P.: Longos? Não são crespos?
R.: Não, não são crespos.
P.: São lisos?
R.: Si. Digamos que um pouco ondulados, não completamente lisos.
P.: É de estatura alta, baixa ou média? É talvez mais alta do que você?
R.: Acredito que sim. Está sempre mais alta que eu, porque, quando Nossa Senhora aparece, Ela fica sobre uma nuvem. Nós nunca vimos os seus pés e assim, certa vez, Jakov, que sempre se sai com alguma novidade, disse: “Um dia vou pegar o vestido de Nossa Senhora e ver se Ela usa sapatos”. De fato, as pessoas muitas vezes nos perguntam se Nossa Senhora usa sandálias ou se Seus pés estão descalços.
P.: Então, preste atenção! Em suas várias aparições, as roupas de Nossa Senhora são muito importantes, porque, através da roupa, Ela nos dá uma mensagem, como também através de outros sinais visíveis. A este respeito existem dois sinais muito importantes, a meu ver, de serem interpretados. O primeiro é a coroa de doze estrelas. Nossa Senhora tem, ao redor da cabeça, uma coroa de doze estrelas?
R.: Sim.
P.: Descreva para nós esta coroa de doze estrelas.
R.: São doze estrelas que não estão ligadas e parecem estrelas naturais, como quando as vemos no céu.
P.: Não se trata de uma coroa, digamos assim, de ouro. São estrelas vivas.
R.: Sim, nos parecem estrelas vivas.
P.: Você as contou?
R.: Sim, muitas vezes.
P.: São doze?
R.: Sim, são doze e, com sua luz, dão a Nossa Senhora uma beleza sobrenatural. Junto a Nossa Senhora existe uma luz que a acompanha sempre, porque Ela chega na luz que ressalta a sua pessoa.
P.: A luz é como um halo ao seu redor?
R.: Não.
P.: Então, como é?
R.: É uma luz...
P.: Que emana dela ou que a investe?
R.: Uma coisa e outra.
P.: Nossa Senhora, então, está envolvida pela luz?
R.: Sim.
P.: O segundo sinal visível é a nuvem sob os seus pés. Veja que, a meu ver, a nuvem é um sinal. E Nossa Senhora tem uma coroa de doze estrelas. É uma criatura celeste que, em certo sentido, nos lembra o grande sinal que aparecer no céu, do qual fala o capítulo XII do Apocalipse. De modo simples aqui estão encerrados profundos ensinamentos sobre Nossa Senhora.
R.: Uma vez, falando com um teólogo, ele nos disse que nós, mesmo sendo crianças, dizíamos, em cinco minutos, aquilo que ele dizia em uma hora e meia de teologia. Não sabemos nada de teologia, mas, com Nossa Senhora, aprendemos, na simplicidade, uma vida de oração, de oferta, e a colocar Jesus no centro da nossa vida. Com Nossa Senhora aprendemos uma vida em que Jesus não está em qualquer lugar no meio das nuvens, no céu, mas está aqui em meio a nós.
P.: Isso é importante. De fato, Jesus, na sua segunda vinda, virá sobre as nuvens do céu. A nuvem é um sinal bíblico de realeza celeste. A coroa de doze estrelas, então, faz referência à mulher vestida de sol da qual fala o Apocalipse. Nossa Senhora aparece com estes dois sinais bíblicos que certamente têm um significado.
R.: Para mim, é mais simples dizer assim: Nossa Senhora fica sobre uma nuvem e não toca a terra. (a ser continuado)
Fonte: “Dopo questa vita c’è l’eternità - Intervista a Marija”
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by