DEUS PAI FALA SOBRE A EUCARISTIA E O MODO DE RECEBÊ-LA - LITURGIA DIÁRIA , 25 DE AGOSTO DE 2013

domingo, 25 de agosto de 2013


DEUS PAI FALA SOBRE A EUCARISTIA E O MODO DE RECEBÊ-LA

 

Afirmei que o corpo do meu Filho é um sol. Um sol indivisível: onde está o corpo, aí se encontra o sangue; onde estão o corpo e o sangue, aí se acha a alma de Cristo; e onde estão o corpo e a alma, aíse encontra a divindade. A natureza divina de Cristo jamais abandonou a natureza humana; nem a morte os separou. Desse modo, é toda a essência divina que recebeis nesse dulcíssimo sacramento, sob as espécies do pão. Como o sol não pode ser desintegrado, da mesma forma não se divide o todo-Homem e todo-Deus na brancura da hóstia. Suponhamos que a partícula seja subdividida; mesmo que se obtenham milhões de pedacinhos, em cada um deles está o todo-Homem e todo Deus. Como acontece num espelho quebrado, no qual a imagem quebrada se mostra inteira, assim o todo-Homem e o todo-Deus está todo em cada parte da hóstia

 

Igualmente ele não diminui, à semelhança da chama no exemplo que segue: se tivesses uma labareda e todos os homens se reunissem para nela acender alguma coisa, ela não diminuiria e todos a teriam por inteira. Certamente um levaria consigo mais que o outro, conforme a matéria inflamável que trouxesse. Para entenderes, cito outro exemplo: suponhamos que tais pessoas tragam diversos tipos de vela: umas de cinco centímetros, outras de dez, outras de trinta e, finalmente, outras de um metro. Todos vão à labareda e acendem suas velas. Cada um terá uma labareda completa, com seu calor, sua claridade, sua luz. No entanto, dirás que o portador da vela de cinco centímetros levou uma labareda menor do que o dono da vela de um metro. O mesmo acontece com as pessoas que recebem o sacramento eucarístico, ao se apresentarem com a "vela" do desejo santo, pelo qual comungam. Aproximam-se com suas velas apagadas e as acendem neste sacramento. Disse "apagadas", porque de vós mesmos, nada sois; quanto à matéria que haveis   inflamar nesta luz, sou eu que vo-la dou: é o amor! - [FONTE : Santa Catarina de Sena, Livro "O Diálogo"]

 

 

LITURGIA DO DIA 25 DE AGOSTO DE 2013
PRIMEIRA LEITURA : ISAÍAS 66, 18-21

XXI DO TEMPO COMUM , (VERDE, GLÓRIA, CREIO - I SEMANA DO SALTÉRIO) - LEITURA DO LIVRO DO PROFETA ISAÍAS - Assim diz o Senhor: 18E virei para reunir os homens de todas as nações e de todas as línguas; todos virão e verão minha glória. 19Executarei no meio deles um prodígio e enviarei às nações aqueles dentre eles que tiverem escapado (a Társis, Put e Lud, Mosoc e Ros, Tubal e Javã), às ilhas longínquas que nunca ouviram falar de mim e não viram minha glória; eles farão conhecer às nações a minha glória. 20De cada uma das nações trarão todos os vossos irmãos como oferenda ao Senhor, a cavalo, em carros, em liteiras, em lombo de mulas e de dromedários, ao meu monte santo, a Jerusalém, diz o Senhor, tal como os filhos de Israel trazem sua oferenda em vasos purificados à casa do Senhor. 21Escolherei mesmo entre eles sacerdotes e levitas, diz o Senhor - Palavra do Senhor

SALMO RESPONSORIAL (116)

REFRÃO: PROCLAMAI O EVANGELHO A TODA CRIATURA!

1. Cantai louvores ao Senhor, todas as gentes,/ povos todos, festejai-o! -R.

2. Pois comprovado é seu amor para conosco,/ para sempre ele é fiel! -R.

SEGUNDA LEITURA : HEBREUS 12, 5-7.11-13

LEITURA DA CARTA AOS HEBREUS - Irmãos, 5Estais esquecidos da palavra de animação que vos é dirigida como a filhos: Filho meu, não desprezes a correção do Senhor. Não desanimes, quando repreendido por ele; 6pois o Senhor corrige a quem ama e castiga todo aquele que reconhece por seu filho (Pr 3,11s). 7Estais sendo provados para a vossa correção: é Deus que vos trata como filhos. Ora, qual é o filho a quem seu pai não corrige? 11E verdade que toda correção parece, de momento, antes motivo de pesar que de alegria. Mais tarde, porém, granjeia aos que por ela se exercitaram o melhor fruto de justiça e de paz. 12Levantai, pois, vossas mãos fatigadas e vossos joelhos trêmulos (Is 35,3). 13Dirigi os vossos passos pelo caminho certo. Os que claudicam tornem ao bom caminho e não se desvies - Palavra do Senhor

EVANGELHO : LUCAS 13, 22-30

PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO, SEGUNDO LUCAS - Naquele tempo, 22Sempre em caminho para Jerusalém, Jesus ia atravessando cidades e aldeias e nelas ensinava. 23Alguém lhe perguntou: Senhor, são poucos os homens que se salvam? Ele respondeu: 24Procurai entrar pela porta estreita; porque, digo-vos, muitos procurarão entrar e não o conseguirão. 25Quando o pai de família tiver entrado e fechado a porta, e vós, de fora, começardes a bater à porta, dizendo: Senhor, Senhor, abre-nos, ele responderá: Digo-vos que não sei de onde sois. 26Direis então: Comemos e bebemos contigo e tu ensinaste em nossas praças. 27Ele, porém, vos dirá: Não sei de onde sois; apartai-vos de mim todos vós que sois malfeitores. 28Ali haverá choro e ranger de dentes, quando virdes Abraão, Isaac, Jacó e todos os profetas no Reino de Deus, e vós serdes lançados para fora. 29Virão do oriente e do ocidente, do norte e do sul, e sentar-se-ão à mesa no Reino de Deus. 30Há últimos que serão os primeiros, e há primeiros que serão os últimos - Palavra da salvação
 
 

 
MENSAGEM DE NOSSA SENHORA EM MEDJUGORJE - "Queridos filhos! Também hoje eu os convido à oração. Neste tempo de graça, que a cruz seja para vocês o sinal indicador do amor e da unidade por meio dos quais chega a verdadeira paz. Por isso, filhinhos, rezem, especialmente neste tempo, para que em seus corações nasça o Menino Jesus, Criador da paz. Somente por meio da oração vocês se tornarão meus apóstolos da paz neste mundo sem paz. Por isso, rezem até que a oração se torne alegria para vocês. Obrigada por terem correspondido a meu apelo" - MENSAGEM DO DIA 25.11.99
 

A IGREJA CELEBRA HOJE , SÃO LUIS - Nós celebramos neste dia a vida do santo, que foi rei da França, Luís IX. Ele nasceu em Poissy a 25 de abril de 1214 e teve a graça de ter uma mãe muito religiosa, tanto assim que o aconselhava depois do Batismo: “Filhinho, agora és um templo do Espírito Santo, conserva sempre teu coração puro e jamais o manches com o pecado “ . A rainha-mãe, Branca de Castela, providenciou ótimos professores e instrutores para uma formação digna do filho, dessa forma quando o pai de Luís morreu, quando este tinha apenas 12 anos, o jovem pôde ser coroado e na idade de 21 anos começar a reger toda a nação, sem esquecer sua realidade de pai e esposo. São Luís era penitente, humilde, homem de oração e caridade; participava com tanta perseverança da Santa Missa diária que, ao ser provocado por nobres, respondia: “Se eu dedicasse tempo dobrado para os jogos ou para a caça, ninguém repreenderia!” São Luís buscava intensamente viver a justiça do Reino de Deus enquanto rei e cristão, por isso praticava o que aconselhava: “Não tiremos o bem dos outros nem sequer para o dar a Deus”. Cheio de amor a Cristo, à Igreja e ao Papa, São Luís organizou até mesmo cruzadas a fim de resgatar os lugares santos; certa vez ficou preso durante 5 anos e depois de solto empenhou-se numa outra cruzada que o vitimou com uma peste mortífera (tifo). Ao receber os santos sacramentos esse grande santo entrou no Céu a 25 de agosto de 1270 . Foi canonizado em 1297, pelo Papa Bonifácio VIII . São Luís, rogai por nós!

 

 

 

 

 

 
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by