Homilia do Papa Francisco em Aparecida

quarta-feira, 24 de julho de 2013

http://fratresinunum.files.wordpress.com/2013/07/aparecida16.jpg?w=491&h=275

Se prestarmos bem a atenção, poderemos contemplar nas palavras do Papa como resplandece com força inaudita as palavras de Nosso Senhor Jesus Cristo, antes de sua paixão, que inauguram o mundo novo ou o Novo Testamento: "Amai-vos uns aos outros, como Eu vos tenho amado!"(cf,Ev.).
O Novo Testamento de Nosso Senhor Jesus Cristo é a alma de toda a vida e pregação do Papa Francisco, que vem ao brasil não só para pregar, mas também para viver o amor de Deus por todos nós.
É da vida, do coração do Papa, que brotam as palavras tão cheias de graça que ele dirige para todos nós. O Papa Francisco é um homem que crê e que vive o Amor, aquele Amor de Deus que Jesus derramou em nossos corações.
Pede à Nossa Senhora da Conceição Aparecida para que ajude a todos nós (Pastores, pais e educadores) a transmitir aos jovens valores que os façam "construtores de um país e de um mundo mais justo, solidário e fraterno."(Hom. Papa Francisco, Apar. 24/07/13).
A justiça nada mais é que dar a cada um o que é seu, ou seja, dar a Deus o que é de Deus e às pessoas o que lhes é de direito. Portanto, a justiça identifica-se com a bondade, pois distribuir à cada um o que é seu é um ato de bondade, pois chamamos de bom à quem dá, e de mau à quem não dá.
Se dar à cada um o que é seu é um ato de bondade, então bondade e justiça se identificam e essa identidade nada mais é que Amor, o Amor Cristão.
Não é justo quem cerra seu coração ao próximo. A justiça e a bondade superam o mérito, pois se formos fazer o bem só para quem merece, então nunca faremos o bem a ninguém, pois ninguém tem merecimentos nesta terra. Aliás, a única coisa que merecemos são as queixas de nossos irmãos.
Só Deus é Justo e Santo, Ele faz o bem não só para os bons, mas também para os maus, segundo está no Evangelho: "Faz nascer o sol sobre os justos e injustos!"
Deus ama, portanto, quem merece e quem não merece, e quer comunicar esse Amor à nós, para que também nós sejamos como Ele. Quando deixamos Deus comunicar seu Amor a nós, então seremos solidários com todos, principalmente com os mais necessitados, e viveremos a Fraternidade Universal. 
Fraternidade não é uma palavra maçônica, mas uma palavra que significa o que Jesus disse: "Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei!"
Nestas palavras de Nosso Senhor temos a justiça, a solidariedade e a fraternidade, e o Amor é a alma destas três coisas.
O Papa nos trás o Amor de Deus, nos convida a conhecer e a viver este Amor.
Ao nos dizer para ficarmos firmes na esperança, disse que Deus é a nossa esperança, nos mostra um Deus que nos Ama continuamente, aconteça o que acontecer: "Tenham sempre no coração esta certeza! Deus caminha a seu lado, nunca lhes deixa desamparados!"(Hom. Papa Francisco, Aparecida, 24/07/2013).
Ter fé, portanto, no Amor de Deus! Deus nunca nos abandona, mesmo que O sintamos longe! Deus nunca, ou seja, nem mesmo quando caímos ou erramos longe d'Ele, nos abandona!
Lavemos "nossas vestes no sangue do Cordeiro"(cf.Apocalipse), ou seja, se tivermos algum pecado, qualquer pecado na alma, lavemos nossa alma no sangue do Cordeiro, isto é, no Sacramento da Penitência, e desse jeito nunca percamos a esperança.
O Sacramento da Penitência deve ser tão normal em nossa vida quanto tomar banho, pois assim como é impossível não sujar-se depois de cada banho, também é impossível não ser pecador após cada Confissão.












Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by