A Beata Elena Guerra e o Espírito Santo

quarta-feira, 26 de junho de 2013


Queridos irmãos, queridas irmãs, a paz! Jesus disse: “Quem tem sede venha a mim e beba
Rios de água viva brotarão de seu ser”. Rios de água viva... O próprio Espírito Santo! Jesus quer derramar Seu Espírito sobre nós, sob a única condição de que nós o peçamos!!
Há 32 anos Nossa Senhora vem nos convidando para trilharmos com Ela o caminho da santidade. Ela é a nossa guia nessa estrada. Mas é o Espírito Santo quem nos santifica. Relendo as mensagens da Gospa, perdi a conta do número de vezes em que Ela nos exorta a pedirmos o Espírito Santo. Lembrei-me então de uma humilde religiosa, Elena Guerra, a apóstola do Espírito Santo, como a chamou o Beato João XXIII. Ela sentia seu coração arder de amor ao Espírito Santo e gostaria de comunicar este fogo ao mundo inteiro. Mas como?
O próprio Espírito Santo vem em seu auxílio. Como podemos ler no livro “Escutai o Espírito Santo”, de Reinaldo B. dos Reis, Elena havia fundado uma Congregação. Nesta Congregação, trabalhava como cozinheira uma senhora muito simples, mas também muito virtuosa, de nome Ermínia Georgetti. Um dia, Ermínia revela à Madre (Elena Guerra) que, há uma semana, depois da comunhão, o Senhor insistia em que ela lhe falasse. Disse-lhe Ermínia: “No meu interior a voz de Jesus me disse: ‘Gostaria que você dissesse à Madre que convocasse ao meu coração todos os fieis em uma oração universal por meio da devoção do Novo Cenáculo... O Amor não é conhecido... O Amor não é amado... Meu Coração não pode repousar nem mesmo nos corações a mim consagrados!... Diga tudo à Madre... Diga-lhe que escreva uma carta ao Santo Padre, pedindo-lhe que reúna todos os fieis em contínua adoração...’.”
Ora, há muito tempo Elena já trabalhava na organização de “Cenáculos Permanentes”, reuniões em que se cultuava o Espírito Santo. Ela escreve então ao Papa Leão XIII uma primeira carta, em que diz: “Santíssimo Pai... o mundo é mau, o espírito de satanás triunfa nessa pervertida sociedade e em uma multidão de almas, que rasga o Coração de Deus; e embora nessas lastimáveis condições de fatos, os cristãos não pensam em dirigir unânimes súplicas Àquele que pode ‘renovar a face da terra’... Recomendam-se todas as devoções – e isso é bom ,  mas daquela devoção que, segundo o espírito da Igreja, deveria ser a primeira, se esquece. São feitas muitas novenas – e isso é ótimo , mas aquela Novena que por ordem do próprio Salvador foi feita inclusive por Maria Santíssima e pelos Apóstolos, é agora praticamente esquecida. São louvados pelos pregadores todos os santos – e isso é bom!, mas uma pregação em honra do Espírito Santo – que é Aquele que forma os santos – quem a faz?” 
A esta, se seguiriam mais 12 cartas e um bilhete. O papa foi sensível aos apelos da Beata Elena Guerra e escreveu a 1ª Encíclica sobre o Espírito Santo, a “Divinum illud múnus”, além de outros documentos e ainda a “Ladainha do Espírito Santo”. E mais:  na Missa que marcava a passagem do século XIX para o século XX, o papa Leão XIII  entoou o “Veni Creator Spiritus” e consagrou o século XX à pessoa do Espírito Santo.
Queridos irmãos, queridas irmãs, em uma de Suas mensagens, Nossa Senhora nos convida a rezarmos todos os dias esta mesma oração Veni Creator Spiritus, ou então a sequência ao Espírito Santo, que transcrevo abaixo:
Vinde, ó Espírito Criador (Veni Creator Spiritus)
Vinde, ó Espírito Criador, as nossas almas visitai. Enchei os nossos corações com Vossa graça divinal. Vós sois chamado o Intercessor, o Dom de Deus Altíssimo, a Fonte Viva, o Fogo, o Amor e a Espiritual Unção. Sois Doador dos sete dons e sois poder na mão do Pai; por Este transmitido a nós, enriqueceis a nossa voz. Iluminai nosso entender, em nós vertei o Vosso Amor, com Vossa graça eternal, o fraco em nós robustecei. Nosso inimigo repeli e dai-nos logo a Vossa paz, e, tendo um Guia como Vós, evitaremos todo mal. Fazei-nos conhecer o Pai e o Filho revelai também, e que de ambos procedeis fazei-nos firmemente crer. Glorifiquemos a Deus Pai e ao Filho que Ressuscitou e ao Santo Espírito de Deus, por todo o sempre. Amém.
Sequência ao Espírito Santo
Vinde, ó Santo Espírito, e mandai-nos lá do céu um raio de Vossa luz.
Vinde, Pai dos pobres, vinde, doador dos bens, vinde, luz dos corações.
Ó melhor  consolador e das almas hóspede e suave alívio,
Sois descanso no labor, sois a calma nas paixões e conforto em nossa dor.
Bem-aventurada Luz, inundai os corações dos que Vós santificais.
Sem a Vossa inspiração nada existe em todos nós, nada existe em nós de bom.
Os pecados apagai, fecundai nossa aridez, a ferida em nós curai.
O que é rígido abrandai, o que é frio aquecei, o errado corrigi.
Dai, Senhor, a todos nós, confiantes sempre em Vós, os sagrados sete dons.
Dai o prêmio a todos nós, dai-nos salvação final, dai-nos gozo eternal. Amém.

     Termino, transcrevendo a Consagração ao Espírito Santo e uma oração composta pela Beata Elena Guerra, Renascer”.
Consagração ao Espírito Santo
Santo Espírito de Deus, consagro-Te hoje todo o meu ser, vontade, inteligência, memória, imaginação e afetividade. Conduze-me por Teus caminhos, guia-me com Tua sabedoria à vida plena de Jesus. Cria em mim um coração puro e humilde, mas que tenha a ousadia e o ardor dos mártires. Enche-me com Teus dons, santifica-me com Teus frutos. Restaura todo o meu viver, para que eu seja um canal do Teu amor. Amém.
“Renascer”
Peço-Te, ó Jesus, de renascer, mas de renascer do alto.
Peço-Te rebatizar-me e renovar-me no Teu Espírito...
Ele seja sempre: a inspiração dos meus pensamentos,
O estímulo da minha vontade, o centro dos meus afetos,
O guia das minhas palavras, o sustento da minha esperança,
O motivo e o fim das minhas ações, o amigo do meu coração,
O meu tesouro para a eternidade...
Que a minha vida seja um incessante renascer e crescer no Espírito.
Que tudo em mim seja Amor...
Que a fé seja o Amor que espera;
Que a adoração seja o Amor que se prostra;
Que a oração seja o Amor que que Te encontra;
Que o cansaço seja o Amor que trabalha;
Que a mortificação seja o Amor que se imola.
Que somente o Teu Amor, ó Deus, dirija os meus pensamentos, as minhas palavras e as minhas obras. Amém!
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by