NOSSA META É VIVER EM SANTIDADE - LITURGIA DIÁRIA , 16 DE JUNHO DE 2013

domingo, 16 de junho de 2013

NOSSA META É VIVER EM SANTIDADE

O Pai gostaria que todos os seus filhos fossem eleitos, mas, infelizmente, poucos são aqueles que levam a sério a sua escolha. Leve a sério a sua seleção! As exigências são mínimas para alguém que foi selecionado para ser semente de uma nova geração . Nós estamos passando por um preparo espiritual. E ele precisa ser muito intenso


O Senhor acabou nos escolhendo. Precisamos agora merecer essa escolha. Fomos escolhidos sem merecimentos, sem classificação. É preciso agora corresponder à nossa escolha


O Senhor tem muitos meios para nos trazer de volta quando nos desviamos do Seu caminho. Saiba que, uma vez encontrados e selecionados pelo Senhor, precisamos ser gratos: não podemos brincar com a nossa seleção. É preciso aguentar firme e viver uma vida de santidade


Estamos visando à vitória. Nossa meta é viver em santidade. É chegar à Terra Nova. Para que isso aconteça é preciso ser radical. Não basta ser ‘mais ou menos’ . Não podemos nos contentar com a mediocridade: é preciso santidade de vida! O nosso carimbo de controle de qualidade é a SANTIDADE! É necessário fazer jus a esse carimbo. Exija esse controle de qualidade. Não aceite outra coisa que não seja SANTIDADE


Deus quer produzir uma geração de homens e mulheres novos. Sabendo disso, o demônio quer exterminar a riqueza da humanidade : A FAMÍLIA . Ele quer exterminá-la mediante o sexo desregrado, a bebida, as drogas e as consequências todas que vêm daí . Talvez você tenha entrado por esses caminhos errados. Volte! Faça uma boa confissão. Recomece tudo de novo! Você é capaz de permanecer na graça de Deus. É necessário ser coerente. O Altíssimo lhe dará forças para superar, mas é preciso força de vontade : decisão. E isso cabe a você


Para que aconteça o sacramento da Eucaristia, precisamos colocar o pão, o vinho e a palavra do sacerdote: esta é a nossa parte. Se não a fizermos, o Espírito Santo não tem como realizar a Eucaristia. Somente quando o padre proclama as palavras da consagração é que o Espírito Santo pode entrar em ação e realizar o milagre da Eucaristia


É isso que acontece no nosso caminho de santificação : quando você coloca a sua decisão, o Senhor vem e coloca o Seu poder. Deus não quer fazer nada sozinho, e nós não conseguimos fazer nada sozinhos. É preciso unir os dois elementos desta jornada maravilhosa : o querer de Deus com a nossa decisão. Se entramos com a nossa decisão, o querer de Deus Pai acontece. Sem a nossa parte, nada acontecerá. Deus quer. Você decide. Da nossa parte é preciso assumir e corresponder à própria escolha


Entregue ao Senhor todas as suas preocupações, porque é Ele quem tem cuidado de você. Seja sóbrio e vigilante, porque você está debaixo de ataques e nem todos os que o cercam são seus amigos . Mas, sobretudo, há um inimigo que ruge e que o ronda, procurando consumir a sua fé . Resista, seja firme

Você não está sozinho nesta luta. Deus ouve as suas orações . Ele olha para nós como filhos que estão sofrendo e nos diz : "O Deus de toda graça, que vos chamou em Cristo à sua eterna glória, depois que tiverdes padecido um pouco, vos aperfeiçoará, vos tornará inabaláveis, vos fortificará"

O que nós precisamos saber é que não importa o quanto tenhamos sido abatidos e fragilizados, o Senhor nos restabelecerá e nos tornará firmes, fortes e seguros. Ele está nos dizendo que nos restabelecerá por um ânimo alegre. Então anime-se, seja alegre, deixa Deus dar o remédio que você precisa, porque em uma pessoa animada Deus faz brotar a saúde para o corpo. Agora, entregar-se ao abatimento faz secar os nossos ossos

Se o espírito se abate, quem sustentará o corpo? Se você deixar a tentação roubar a sua alegria, quem é que vai sustentar o seu corpo? Agora, nós somos facilmente abatidos quando não somos humildes, porque a pessoa orgulhosa se quebra facilmente . A pessoa que não é humilde não se verga, e porque não se verga, ela se quebra. É a humildade nos nossos relacionamentos que nos dá a graça de enfrentarmos com sabedoria e elegância os tempos de sofrimentos que enfrentamos

Sem humildade a pessoa não permanece de pé. O humilde pode se curvar, abaixar-se, mas facilmente ele se põe de pé. "Revista-se de humildade nos relacionamentos com seus irmãos, porque nós não somos senhores das nossas sensibilidades, das atrações e repulsas que temos e que estão nas profundezas do nosso coração. Quantas vezes nos atraímos pelo perigo? Mas com o perigo não se brinca. Seja humilhe diante da mão poderosa de Deus. Isso é ter a garantia de estar no caminho seguro


LITURGIA DO DIA 16 DE JUNHO DE 2013
PRIMEIRA LEITURA: 2º SAMUEL 12, 7-10.13

XI DO TEMPO COMUM , (VERDE, GLÓRIA, CREIO -  III SEMANA DO SALTÉRIO) - LEITURA DO SEGUNDO LIVRO DE SAMUEL - Naqueles dias, 7Natã disse então a Davi: Tu és esse homem. Eis o que diz o Senhor Deus de Israel: ungi-te rei de Israel, salvei-te das mãos de Saul, 8dei-te a casa do teu senhor e pus as suas mulheres nos teus braços. Entreguei-te a casa de Israel e de Judá e, se isso fosse ainda pouco, eu teria ajuntado outros favores. 9Por que desprezaste o Senhor, fazendo o que é mau aos seus olhos? Feriste com a espada Urias, o hiteu, para fazer de sua mulher a tua esposa, e o fizeste perecer pela espada dos amonitas. 10Por isso, jamais se afastará a espada de tua casa, porque me desprezaste, tomando a mulher de Urias, o hiteu, para fazer dela a tua esposa. 13Davi disse a Natã: Pequei contra o Senhor. Natã respondeu-lhe: O Senhor perdoa o teu pecado; não morrerás - Palavra do Senhor

SALMO RESPONSORIAL(31)

REFRÃO: EU CONFESSEI, AFINAL, MEU PECADO/ E PERDOASTES, SENHOR, MINHA FALTA

1.
Feliz o homem que foi perdoado/ e cuja falta já foi encoberta!/ Feliz o homem a quem o Senhor/ não olha mais como sendo culpado,/ e em cuja alma não há falsidade! -R.

2. Eu confessei, afinal, meu pecado,/ e minha falta vos fiz conhecer./ Disse: "Eu irei confessar meu pecado!"/ E perdoastes, Senhor, minha falta. -R.

3. Sois para mim proteção e refúgio;/ na minha angústia me haveis de salvar,/ e envolvereis a minha alma no gozo./ Regozijai-vos, ó justos, em Deus,/ e no Senhor exultai de alegria!/ Corações retos, cantai jubilosos! -R.

SEGUNDA LEITURA: GÁLATAS 2, 16.19-21

LEITURA DA CARTA DE SÃO PAULO AOS GÁLATAS - Irmãos, 16sabemos, contudo, que ninguém se justifica pela prática da lei, mas somente pela fé em Jesus Cristo. Também nós cremos em Jesus Cristo, e tiramos assim a nossa justificação da fé em Cristo, e não pela prática da lei. Pois, pela prática da lei, nenhum homem será justificado. 19Na realidade, pela fé eu morri para a lei, a fim de viver para Deus. Estou pregado à cruz de Cristo. 20Eu vivo, mas já não sou eu; é Cristo que vive em mim. A minha vida presente, na carne, eu a vivo na fé no Filho de Deus, que me amou e se entregou por mim. 21Não menosprezo a graça de Deus; mas, em verdade, se a justiça se obtém pela lei, Cristo morreu em vão - Palavra do Senhor

EVANGELHO: LUCAS 7, 36-50; 8, 1-3

PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO, SEGUNDO LUCAS - Naquele tempo, 36Um fariseu convidou Jesus a ir comer com ele. Jesus entrou na casa dele e pôs-se à mesa. 37Uma mulher pecadora da cidade, quando soube que estava à mesa em casa do fariseu, trouxe um vaso de alabastro cheio de perfume; 38e, estando a seus pés, por detrás dele, começou a chorar. Pouco depois suas lágrimas banhavam os pés do Senhor e ela os enxugava com os cabelos, beijava-os e os ungia com o perfume. 39Ao presenciar isto, o fariseu, que o tinha convidado, dizia consigo mesmo: Se este homem fosse profeta, bem saberia quem e qual é a mulher que o toca, pois é pecadora. 40Então Jesus lhe disse: Simão, tenho uma coisa a dizer-te. Fala, Mestre, disse ele. 41Um credor tinha dois devedores: um lhe devia quinhentos denários e o outro, cinquenta. 42Não tendo eles com que pagar, perdoou a ambos a sua dívida. Qual deles o amará mais? 43Simão respondeu: A meu ver, aquele a quem ele mais perdoou. Jesus replicou-lhe: Julgaste bem. 44E voltando-se para a mulher, disse a Simão: Vês esta mulher? Entrei em tua casa e não me deste água para lavar os pés; mas esta, com as suas lágrimas, regou-me os pés e enxugou-os com os seus cabelos. 45Não me deste o ósculo; mas esta, desde que entrou, não cessou de beijar-me os pés. 46Não me ungiste a cabeça com óleo; mas esta, com perfume, ungiu-me os pés. 47Por isso te digo: seus numerosos pecados lhe foram perdoados, porque ela tem demonstrado muito amor. Mas ao que pouco se perdoa, pouco ama. 48E disse a ela: Perdoados te são os pecados. 49Os que estavam com ele à mesa começaram a dizer, então: Quem é este homem que até perdoa pecados? 50Mas Jesus, dirigindo-se à mulher, disse-lhe: Tua fé te salvou; vai em paz. 1Depois disso, Jesus andava pelas cidades e aldeias anunciando a boa nova do Reino de Deus. 2Os Doze estavam com ele, como também algumas mulheres que tinham sido livradas de espíritos malignos e curadas de enfermidades: Maria, chamada Madalena, da qual tinham saído sete demônios; 3Joana, mulher de Cuza, procurador de Herodes; Susana e muitas outras, que o assistiram com as suas posses - Palavra da salvação





 

MENSAGEM DE NOSSA SENHORA EM MEDJUGORJE – “Convido-os a prepararem-se nestes tempos, agora como nunca antes, para a vinda de Jesus. Que o pequeno Jesus reine em seus corações vocês serão felizes somente quando Jesus for seu amigo. Não Ihes será difícil rezar, nem oferecer sacrifícios, nem testemunhar a grandeza de Jesus em suas vidas, porque Ele Ihes dará neste tempo a força e a alegria. Eu estou perto de vocês com a Minha oração e a Minha intercessão. Amo-os e a todos abençôo” – MENSAGEM DO DIA 25.11.93
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by