A benção especial e materna da Gospa, Maria, Rainha da Paz

quarta-feira, 5 de junho de 2013



Queridos irmãos, queridas irmãs, a paz! Com seu jeito tão peculiar, a irmã Emmanuel nos lembra que podemos transmitir a bênção especial e materna de Nossa Senhora até mesmo às ovelhinhas e aos outros animais. Mas, antes de lermos seu texto, gostaria de recordar, especialmente aos que porventura nunca tenham ouvido falar desta bênção tão preciosa, que em muitas ocasiões, principalmente em dias de festa, a Rainha da Paz concede esta bênção a qual deve ser transmitida, em Seu nome, às outras pessoas. Durante uma aparição à Marija, em 29/11/88, Nossa Senhora disse: “Abençoem (com a bênção especial) até mesmo aqueles que não têm fé. Vocês podem transmitir-lhes a bênção do coração e ajudá-los em sua conversão”.
Naquele mesmo dia, Nossa Senhora falou especificamente sobre o que Ela desejava com esta bênção especial. Segundo o relato da vidente Marija:
1. Esta é uma bênção que tem o poder de converter e de ajudar as pessoas;
2. Ela pode ser transmitida a fieis e incrédulos, para ajudar a se converterem ou progredirem em sua conversão;
3. Uma vez recebida de Nossa Senhora, ela permanece por toda a vida;
4. Você não precisa estar na presença de quem vai ser abençoado;
5. A bênção é tão poderosa quanto a fé que você possui nela e na oração que você oferece. Quanto mais você rezar com o coração, mais forte será ela;
6. Se alguém receber a Bênção de Nossa Senhora e abençoar outra pessoa com ela, essa outra pessoa a recebe no mesmo grau de quem a recebeu de Nossa Senhora. Esta segunda pessoa pode assim concedê-la a uma terceira, etc. Todos os que assim a receberem estarão recebendo o dom de abençoar os outros, como se o estivessem recebendo diretamente de Nossa Senhora. Essa bênção os acompanhará por toda a vida.
7. Para recebê-la diretamente de Nossa Senhora, você deve estar no local da aparição.
8. Para abençoar alguém, seria bom fazer uma prece espontânea. Você poderá dizer: “Transmito a você a bênção especial de Nossa Senhora”.
Nota: Ao transmitir esta bênção a uma pessoa que não tem fé, você deverá fazê-lo em silêncio, na presença da pessoa ou à distância. Você poderá repetir esta bênção diariamente, a fim de ajudar na conversão desta pessoa.



Passemos agora ao relato de Irmã Emmanuel:

AS CRIATURAS DE TETKA

“Tetka iniciou-se no ofício de pastora aos sete anos de idade e nunca mais parou. Ela pertence àquela raça nobre e sólida que a Gospa escolheu em Medjugorje, de uma fé que nada perturba, porque Deus é Deus. Seu coração vibra constantemente em uníssono com a natureza e com o Criador. Conhece cada uma de suas quarenta ovelhas pelo nome, assim como conhece cada pedra, cada moita, cada recanto do vale de Medjugorje. Vocês poderão encontrá-la ainda hoje, fiando a lã ao ritmo do rosário e guardando seu rebanho com olhar vigilante. Toda tarde, quando chega a hora da missa, ela se arruma e vai à igreja, tomando as veredas cheias de pedregulho que serpenteiam entre as lavouras. Nada a detém, nem o vento gelado de inverno, nem o forte calor de julho, pois seu verdadeiro teto é o céu e sua verdadeira segurança está em caminhar com Deus.
Sua companhia é um regalo para mim e só o fato de ver seu rosto luminoso seria suficiente para entender por que a Gospa escolheu esta aldeia. Nenhuma teologia, nenhuma sutileza de linguagem, nenhum conhecimento teórico, mas séculos de humilde escuta dos murmúrios de Deus no coração. Pois, para este povo que regou com suas lágrimas e seu sangue os vales da Herzegovina, Deus é o único grande amigo, o amigo seguro, o Deus cujo Credo resistiu à doutrina de Maomé e à de Marx. A seu lado aprendo mais sobre Deus que nos mosteiros, porque tudo se torna simples e límpido.
Ela mora com seus sobrinhos Petar, Vesna e Mladen, que são meus grandes amigos. Um dia, Petar me disse:
– Irmã, há várias ovelhas doentes, elas vão morrer e receamos que o rebanho inteiro esteja contaminado...
Contristada com a notícia, ia dizer algumas palavras banais para mostrar-lhe minha aflição quando, de repente, uma luz fulgurante atravessou minha pobre mente. Lembrei-me de uma mensagem da Gospa, na qual Ela nos pedia que ‘transmitíssemos a sua bênção especial e materna a todas as criaturas’ (25/12/88). Muitas vezes eu me havia questionado sobre o que Ela entendia por ‘todas as criaturas’. Será que incluía também os animais?
Para essa família, perder um rebanho inteiro era uma catástrofe e não havia tempo para que eu ficasse cozinhando grandes análises exegéticas... Era necessário passar rapidamente à ação.
– Petar – exclamei para provocá-lo –, a solução do seu problema, mais uma vez, está com a Gospa, na mensagem sobre a ‘bênção especial e materna’...
Petar olhou para mim surpreso. Eu sabia... Ele não conhecia essa mensagem! Seria uma pena perder a oportunidade de brincar um pouco com ele, então exclamei como se estivesse chocada:
– Como? Você, um croata nascido em Medjugorje, não conhece essa mensagem? Tem de vir uma estrangeira para dizer o que a sua Gospa diz a vocês, na sua língua, na sua aldeia?
Compreendi, pelo sorriso que ele deu, que eu tinha acertado na mosca e que nnca mais ele esqueceria a famosa mensagem que eu ia lhe revelar:
– Ela disse: ‘...Hoje, eu lhes dou a minha bênção especial. Levem-na a toda criatura, para que receba a paz. Obrigada por terem respondido ao meu chamado’. E quando Ela diz ‘criaturas’, ela inclui também os animais. O que significa que você vai para o seu rebanho e que vai rezar para que ele receba a bênção da Virgem...
Petar continuava muito surpreso. Eu já sabia, isso não fazia parte de seus costumes e não se muda os costumes de um camponês da Herzegovina de uma hora para a outra.
– Irmã, prefiro que você faça isso. É uma irmã e com você deve funcionar melhor!
Tudo bem! Prometi que voltaria à tarde com meus irmãos e minhas irmãs. Na hora marcada, Tetka trouxe seus animais e os seis estrangeiros se puseram a rezar. Era a primeira vez que tinha diante de mim, para a oração, umas coisinhas de lã em vez de seres humanos, mas senti a alegria do Criador no meio de nós e tudo aconteceu com uma simplicidade de criança. Expliquei a Petar que a Gospa não havia indicado fórmulas nem gestos específicos para essa bênção e que, portanto, podia-se rezar com o coração do jeito que se quisesse.
Deve-se reconhecer que as ovelhas sararam todas bem depressa e que o rebanho não mais foi atingido pela doença nestes últimos anos. É provável que Petar e Tetka tenham continuado, em segredo – pois eles têm muito pudor com essas coisas –, a transmitir a seus animais a bênção da Rainha do Universo.


Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by