PARA SER UM CRISTÃO DE FIBRA - LITURGIA DIÁRIA , 04 DE MAIO DE 2013

sexta-feira, 3 de maio de 2013


PARA SER UM CRISTÃO DE FIBRA

"É IMPRESSIONANTE COMPARAR A MARÉ DE CONVERSÕES
ATRAVÉS DE PADRE PIO COM O CATASTRÓFICO FRACASSO
DA CATEQUESE MODERNA"
(JOSEPH RATZINGER)

PADRE PIO mostrou como se faz catequese e evangelização eficaz . Deus sempre quer dizer alguma coisa através de seus santos. No século XX, o pior da história do mundo e da Igreja, falou-nos através de um sacerdote crucificado . O primeiro sacerdote crucificado da história

PADRE PIO foi a resposta e o sinal dos céus para a crise do sacerdócio, da liturgia e da nova evangelização. Unido ao sacrifício do Redentor, foi mais eficaz do que todas as iniciativas pastorais pós-conciliares . Sua vida ensinou o que é o sacerdócio, o sacrifício redentor de Cristo, a penitência, a santa Missa, a evangelização, a conversão dos hereges e pecadores. Cristo viveu nele para lembrar, ao clero modernista , e aos fiéis, o que deve ser um sacerdote, qual é sua função, como se deve celebrar o seu santo sacrifício,o que é a missa e porque a missa é sacrifício . Foi um farol luminoso para a Igreja , o capuchinho de Pietrelcina . O santo, apesar de tudo, em sua vida foi humilhado, perseguido ; Foi oprimido e afligido, foi maltratado e resignou-se ; mas não abriu a sua boca

A vida do santo reafirmou a doutrina da satisfação vicária . Satisfação vicária segue sendo doutrina da Igreja . Teologia moderna acha incompreensível que Deus se ofenda com o pecado . Hoje vivemos a época da fé que não ousa falar . Outrora sofriam os cristãos o martírio, porque não calavam . Hoje, o mutismo tomou conta da Igreja e a dissimulação diplomática , os arranjos políticos, o corporativismo de uma grande parte do clero vem prevalecendo contra a verdade. Diante disso, me pergunto: Qual a fonte da negação e do silêncio ímpio mantido pelas autoridades da Igreja diante dos acontecimentos e crises considerados inegáveis pelos fiéis? Porque a relutância em atacar os problemas com firmeza ? Tais questões, talvez só se esclareçam no dia do Juízo Final . De mansidão fingida e dissimulada, muitos atraem e enfeitiçam os fiéis, que enganados e ludibriados, confundem o lobo com o cordeiro


“A infalibilidade da Igreja é como uma medida adotada pela misericórdia do Criador para preservar a [verdadeira] religião no mundo e para refrear aquela liberdade de pensamento que, evidentemente, em si mesma, é um dos nossos maiores dons naturais, mas que urge salvar dos seus próprios excessos suicidas” (BEATO CARDEAL NEWMAN, APOLOGIA PRO VITA SUA. EDITORIAL VERBO. 1974, P. 276)


«Ter uma fé clara, segundo o credo da Igreja Católica, é rotulado como fundamentalista, enquanto que o modernismo e o relativismo entregam-se a uma qualquer doutrina, que aparece como a única atitude louvável nos tempos actuais» - (JOSEPH RATZINGER - HOMILIA EM 1998)



“Quando a Igreja perde a coragem, entra na Igreja uma atmosfera morna. Os cristãos mornos, sem coragem… Isso prejudica a Igreja, começam os problemas entre nós; não temos horizontes, não temos coragem, nem a coragem da oração ao céu nem a coragem de anunciar o Evangelho. Somos mornos…E não temos a coragem de enfrentar nossos ciúmes, nossas invejas, o carreirismo, de avançar egoisticamente… a Igreja deve ser corajosa!” - (PAPA FRANCISCO - FONTE : RADIO VATICANA)


PAPA PIO IX : batalhador incansável contra os erros de sua época . No dia 7 de fevereiro de 1878, vinha a falecer um Papa –– cuja heroicidade de virtudes foi reconhecida há sete anos pela Santa Sé –– que marcou profundamente, com o mais longo de todos os pontificados, a História da Igreja, tendo-se realçado pela energia com que combateu os inimigos da Fé . Sim , este Pio IX do non possumus , varão de todas as intransigências santas, proclamador de todas as verdades doa a quem doer, que noutra ocasião disse a respeito de si mesmo : "NÃO QUERO SER OBRIGADO A EXCLAMAR UM DIA EM PRESENÇA DO JUIZ ETERNO : VAE MIHI QUIA TACUI (MALDITO DE MIM , PORQUE ME CALEI)”

A teologia modernista parte de um pressuposto fundamentalmente paradoxal; a transformação do dogma, a adaptação dos ensinamentos doutrinais, a flexibilidade eclesiológica e o relaxamento moral . O modernismo foi desenvolvido sob a influência do espírito protestante alemão, reflexo mais do que natural da Sola Fide e Sola Scriptura adotadas por Lutero . Entretanto, o que era cabível dentro do pensamento luterano era essencialmente incompatível com o Catolicismo . Alguns Sacerdotes, tomados pela heterodoxia , se recusam a combater o erro e a heresia – “heresia” é uma palavra que não existe no seu vocabulário – mas, em compensação, são os primeiros a negociar a crença. Vejam que se trata de uma dupla ação intimamente ligada; o açucaramento da religião, onde a defesa da Verdade e da fé são vistas como posturas ultrapassadas, e a flexibilidade e permissividade na defesa e convivência do erro. Ora, não precisa ser um grande gênio para imaginar os frutos dessa promiscuidade doutrinal!

O politicamente correto religioso é tão forte que defender de maneira inconteste a nossa crença passou a ser visto como retrógrado . Os relativistas dentro da Igreja, além disso, vivem numa situação intrinsecamente paradoxal; rechaçam, condenam e não aceitam ensinamentos basilares da doutrina católica, mas mesmo com tal postura se consideram legítimos representantes da…Igreja? Ora, qual a lógica? Não há! 

Além da consequência teológica inevitável, ainda há o choque com a Tradição da Igreja e sua história; se o demônio não existe o que era aquilo que tentava Santo Antão? Se a Missa não é Sacrifício o que era aquilo que os Sacerdotes celebravam e compreendiam? Se a Igreja não é a Barca de Pedro o que era aquilo que os Santos Padres defendiam? Se o Papa não é Vigário de Cristo e Sumo Pontífice o que eram aqueles documentos Conciliares? Se a Igreja não é Una o que era aquilo que todo o povo de Deus acreditava? Etc. O relativismo se choca com 2000 anos de caminhada, 2000 de Cristianismo e Cristandade

O “povocentrismo” foi definido com sabedoria pelo então Cardeal Ratzinger no livro “Dogma e Anúncio” : “uma Igreja que só olhasse para fora, que só tentasse bitolar-se pela capacidade de compreender dos contemporâneos do momento, não ousando mais viver alegre e despreocupada no interior da fé mesma, morreria internamente e terminaria finalmente não tendo mais nada a dizer nem seque para fora” 

Essa brilhante explanação do nosso amado Papa emérito , nos obriga a refletir sobre a crueldade do relativismo. De fato, uma Igreja que negociasse a Verdade visando a Sua adaptação e aceitação junto aos homens, chegaria ao ponto de, renegando Ela própria, não mais poder levar às almas a mensagem cristã. Nosso Senhor estaria tão descaracterizado, Seus ensinos tão corrompidos, que o reconhecimento da Boa Nova estaria impossibilitado

Sinceramente , acho que não vamos resolver problema algum contestando , pois os poucos que tem força para se levantar são minoria . Mesmo não podendo resolver o problema é nosso dever resistir os erros . Ouvimos discursos terríveis e errôneos , tecendo louvores a algumas coisas que existem no mundo, esta amizade com o MUNDO . Quando se fala de INCULTURAÇÃO . Penso que a pior parte é esta ideia eclética e subjetivista de que cada um pode pensar oque quer desde que respeite o outro? Isto é uma verdadeira aceitação da ditadura do achismo, um autentico assassinato da VERDADE 


"Chegamos ao grande momento. A Fé está agora na presença não de uma heresia particular como no passado – o arianismo, o maniqueísmo, dos albigenses, dos maometanos – nem está na presença de algum tipo de heresia generalizada, como ocorreu quando enfrentou a revolução protestante trezentos a quatrocentos anos atrás. O inimigo que a Fé tem de enfrentar agora, e que pode ser chamado de “O Ataque Moderno”, é um assalto indiscriminado aos fundamentos da Fé, à própria existência da Fé. E o inimigo que agora avança contra nós está cada vez mais consciente do fato de que não pode haver qualquer neutralidade. As forças que agora se opõem à Fé têm o propósito de destruí-la. A batalha é doravante travada em uma linha definida de clivagem, envolvendo a sobrevivência ou a destruição da Igreja Católica. E toda – não uma parte – de sua filosofia" – (HILAIRE BELLOC)


“Paulo VI queixa-se da fumaça de Satanás dentro do templo, quase a ocupar o espaço do incenso esquecido, e amargura-se com a autodemolição da Igreja. Os seminários desaparecem, a teologia prostitui-se em cátedras de iniquidade, a liturgia reduz-se, com certa frequência, a uma feira irrelevante de banalidades folclóricas. A pretexto de inculturação, a vida religiosa desliza para o abismo . Os poderes do inferno não prevalecerão contra a Igreja", é certo. Mas o próprio Senhor prediz o obscurecimento da fé, o esfriamento da caridade. A VISÃO DO INFERNO DE FÁTIMA faz vacilar o otimismo ingênuo e irresponsável dos que apostam na salvação de todos, mesmo até dos que a recusam . Hoje, não é só a fumaça de Satanás, penetrando por uma fenda oculta, mas o diabo, de corpo inteiro, que irrompe triunfalmente pelas portas centrais. Quem o vai exconjurar das nossas igrejas, das nossas residências episcopais e paroquiais, dos nossos centros comunitários, dos nossos seminários e universidades, dos Senados e das Câmaras Legislativas, dos Palácios do Governo e da Justiça, dos bancos e das bolsas, dos meios de comunicação, das escolas e hospitais, das consciências de todos nós? Nós precisamos, urgentemente, de exorcismo!”  (DOM MANOEL PESTANA - BISPO DE ANÁPOLIS(GO) - (1928/2011)



“Estão muito equivocados os que acreditam possível e esperam para a Igreja um estado permanente de plena tranquilidade; porém, é pior, e mais grave, o erro daqueles que se iludem pensando que alcançarão essa paz efêmera mediante a dissimulação dos direitos e interesses da Igreja, sacrificando-os aos interesses privados, diminuindo-os injustamente, comprazendo ao mundo, ‘no qual domina inteiramente o demônio’ (I Jo V,19), com o pretexto de captar a simpatia dos fautores de novidade e atraí-los à Igreja, como se fora possível a harmonia entre a luz e as trevas, entre Cristo e o demônio. Trata-se de sonhos doentios, de alucinações que sempre ocorreram e ocorrerão enquanto houver soldados covardes que deponham as armas à simples presença do inimigo, ou traidores que pretendam a todo custo fazer as pazes com os opositores, a saber, com o inimigo irreconciliável de Deus e dos homens” - (SÃO PIO X, ENCÍCLICA COMMUNIUM RERUM, DE 21 DE ABRIL DE 1909)


Para finalizar , palavra de SÃO PIO X , em 13 de Dezembro de 1908, durante a beatificação de JOANA DE ARC , o PAPA SÃO Pio X disse palavras de grande significado, O Papa S. Pio X expôs isto bem, quando exortou os Católicos a terem coragem no combate contra as forças do mal , e o que todos os Católicos moles e confortáveis (incluindo ele próprio) devem ter presentes no coração :

“No nosso tempo, mais do que nunca antes,” a maior força dos maus está na covardia e fraqueza dos bons... Todo o poder do reino de Satanás deve-se à fraqueza facilitista dos Católicos . Oh! Se eu pudesse perguntar ao Divino Redentor, como o profeta Zacarias fez em espírito : Que são essas feridas nas palmas das Tuas mãos? E a resposta seria, sem dúvida : ‘Fui ferido com estas na casa do que Me amam. Fui ferido pelos Meus amigos, que não fizeram nada para Me defender, e que, em todas as ocasiões, se fizeram cúmplices dos Meus adversários’ . E esta censura pode ser dirigida aos Católicos fracos e tímidos de todos os países



LITURGIA DO DIA 04 DE MAIO DE 2013
PRIMEIRA LEITURA: ATOS DOS APÓSTOLOS 16, 1-10

V SEMANA DA PÁSCOA , (BRANCO - OFÍCIO DO DIA) - LEITURA DOS ATOS DOS APÓSTOLOS - Naqueles dias, 1Chegou a Derbe e depois a Listra. Havia ali um discípulo, chamado Timóteo, filho de uma judia cristã, mas de pai grego, 2que gozava de ótima reputação junto dos irmãos de Listra e de Icônio. 3Paulo quis que ele fosse em sua companhia. Ao tomá-lo consigo, circuncidou-o, por causa dos judeus daqueles lugares, pois todos sabiam que o seu pai era grego. 4Nas cidades pelas quais passavam, ensinavam que observassem as decisões que haviam sido tomadas pelos apóstolos e anciãos em Jerusalém. 5Assim as igrejas eram confirmadas na fé, e cresciam em número dia a dia. 6Atravessando em seguida a Frígia e a província da Galácia, foram impedidos pelo Espírito Santo de anunciar a palavra de Deus na (província da) Ásia. 7Ao chegarem aos confins da Mísia, tencionavam seguir para a Bitínia, mas o Espírito de Jesus não o permitiu. 8Depois de haverem atravessado rapidamente a Mísia, desceram a Trôade . 9De noite, Paulo teve uma visão: um macedônio, em pé, diante dele, lhe rogava: Passa à Macedônia, e vem em nosso auxílio! 10Assim que teve essa visão, procuramos partir para a Macedônia, certos de que Deus nos chamava a pregar-lhes o Evangelho - Palavra do Senhor

SALMO RESPONSORIAL (99)

REFRÃO : ACLAMAI O SENHOR, Ó TERRA INTEIRA


1. Aclamai o Senhor, ó terra inteira, / servi ao Senhor com alegria, / ide a ele cantando jubilosos! -R.

2. Sabei que o Senhor, só ele, é Deus, / Ele mesmo nos fez, e somos seus, / nós somos seu povo e seu rebanho. -R.

3. Sim, é bom o Senhor e nosso Deus, / sua bondade perdura para sempre, / seu amor é fiel eternamente! -R.

EVANGELHO: JOÃO 15, 18-21

PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO, SEGUNDO JOÃO - Naquele tempo, 18Se o mundo vos odeia, sabei que me odiou a mim antes que a vós. 19Se fôsseis do mundo, o mundo vos amaria como sendo seus. Como, porém, não sois do mundo, mas do mundo vos escolhi, por isso o mundo vos odeia. 20Lembrai-vos da palavra que vos disse: O servo não é maior do que o seu senhor. Se me perseguiram, também vos hão de perseguir. Se guardaram a minha palavra, hão de guardar também a vossa. 21Mas vos farão tudo isso por causa do meu nome, porque não conhecem aquele que me enviou - Palavra da salvação






MENSAGEM DE NOSSA SENHORA EM MEDJUGORJE – “Queridos filhos! Estou com vocês e a todos abençôo com minha bênção materna. Hoje, de maneira especial, quando Deus lhes dá abundantes graças, rezem e procurem Deus por meio de Mim. Deus lhes dá grandes graças, por isso, filhinhos, aproveitem este tempo de graça e aproximem-se do meu Coração para que possa conduzi-los a meu Filho Jesus. Obrigada por terem correspondido a Meu apelo” – MENSAGEM DO DIA 25.06.2001


A IGREJA CELEBRA HOJE , SÃO FLORIANO - Pertenceu a um grupo de militares que serviam ao império romano. O imperador era Diocleciano que, influenciado por um genro, passou a ter um grande preconceito e ódio ao Cristianismo, a ponto de estabelecer um edito onde dizia que a Palavra de Deus escrita devia ser queimada e os cristãos, quando identificados, precisavam oferecer sacrifícios aos 'deuses' em sinal de adoração . Muitos optavam por testemunhar Jesus até o último instante a renunciar sua fé no Cristo. Outros para salvar a própria pele, abandonavam a Igreja, Jesus e a comunidade . A opção de Floriano foi pelo amor a Cristo . A ordem do Imperador chegou até ele e em nome de 40 soldados cristãos, ele manifestou-se, denunciando toda aquela ignorância e injustiça. Aquilino, que devia defendê-los pois comandava o pelotão, ao contrário, entregou todos aqueles militares . E aqueles soldados tiveram que optar pelo imperador ou por Cristo. Para servir a Cristo, é preciso testemunhá-lo. E a perseguição não demora a vir . Floriano teve uma corda amarrada ao seu pescoço e foi lançado ao rio e morreu afogado. E todos os outros soldados também foram martirizados . São Floriano, rogai por nós!

Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by