CONVERSÃO, SANTIDADE,CORAÇÃO DE CARNE NÃO DE PEDRA

terça-feira, 3 de julho de 2012

MENSAGEM DE 25 DE JUNHO DE 1996 “ Queridos filhos, agradeço hoje todos os sacrifícios que vocês me ofereceram nestes dias. Filhinhos, convido-os a abrirem-se a mim e a decidirem-se pela conversão. Seus corações, filhinhos, ainda não me estão completamente abertos e é por isto que eu os chamo novamente: abram-se à oração, para que nela o Espírito Santo os ajude que seus corações sejam corações de carne e não de pedra. Filhinhos, obrigada por terem atendido a meu chamado e por terem decidido caminhar comigo para a santidade.” 

Medjugorje poderia estar localizada nas proximidades de Safed ou de Caná, pois suas paisagens são muito parecidas com as da Galileia. A mesma flora, a mesma luminosidade branca e esplendorosa que ilumina os países mediterrâneos, os mesmos vales suaves, onde espinheiros ladeiam figueiras, parreiras e romãzeiras, sem esquecer os infalíveis pedregulhos, um pesadelo ainda hoje para os camponeses israelenses. Não há perigo de a Virgem de Nazaré sentir-se deslocada... Mas a extraordinária aproximação bíblica que as aparições de Medjugorje oferecem não fica apenas na semelhança externa e visível da Herzegovina com a terra de Israel. Reside na própria personalidade de Maria, na sua maneira de fazer as coisas, de orar, nas suas atitudes e até no seu vocabulário. De todo o seu ser emana magnificamente a mulher bíblica oriunda da raça de Davi.

Certa ocasião, Rita F. assistente americana do Padre Slavko, festejou seu aniversário e para marcar o evento Marija convidou-a a assistir à aparição em sua pequena capela e Rita levou uma rosa para a Virgem Santa. Marija não sabia que Rita era de origem judia. A Virgem apareceu a Marija, e depois de recitar o Magnificat , Marija explicou a todos o que acabara de vivenciar: _ esta noite Nossa Senhora nos cumprimentou e nos abençoou a todos e depois voltou seu olhar para a rosa. Ela ficou muito contente com esta rosa! Mas depois, não entendi mais nada, porque Ela começou a rezar na sua língua materna!

Os amigos de Rita, esses entenderam o presente! Sobretudo Bernard Ellis, nosso amigo inglês, originário de uma família judia muito praticante e que estava entre nós naquele dia.
  _ Ela rezou na sua língua materna porque sentiu-se em em família! _ disse-lhe eu para alegrá-lo. Bernard tinha lágrimas nos olhos: naquela mesma manhã, ele tinha pedido um sinal a Deus que lhe confirmasse que aquela que vinha a Medjugorje era realmente a Mãe do Messias. Esse sinal ultrapassava qualquer expectativa sua! A Virgem fala perfeitamente o croata; por que rezar então, na sua língua materna, correndo o risco de embaralhar a cabeça de sua pequena Marija que não podia mais compreende-La?

Que alegria para nós ver que nas suas mensagens Maria utiliza as mesmas palavras da Bíblia, as palavras da revelação! Mas que eco poderão ter estas palavras em nossos corações, quando as traduzimos para o nosso idioma e nem sempre exprimem a mesma coisa?
 Algumas das palavras da mensagem de 25 de junho, acima: CONVERSÃO, SANTIDADE, CORAÇÃO

 CONVERSÃO: a raiz hebraica dessa palavra que batiza a historia do povo de Israel ( e portanto a historia de cada uma de nossas almas) , significa Teshouva, “volta”, e expressa a ideia positiva e tranquilizadora do exilado que volta. Volta para onde? Para sua casa!!!! Ele finalmente volta para sua terra, entre os seus, na casa onde seu pai e sua mãe o conceberam, onde é bom viver e amar, o lugar onde estão todas as suas fontes. Ele teve a dura experiencia de estar longe da casa da família, a experiência da carência, tanto em nível do coração quanto em nível material, a experiência da escravidão entre povos bárbaros e eis que ele encontra os seus, retoma a posse de seus domínios, está enfim em segurança e satisfeito em tudo.

 A minha conversão reorienta os meus passos em direção à minha casa natal e volto a morar entre os meus. Na oração vejo a minha bússola interior e percebo que eu estava pervertido ( andava atravessado) e realinho a minha direção.
Em Medjugorje, Maria nos diz que sua mensagem mais importante é a conversão. É claro! Se eu não morar no seio do Pai(Jo1,18) com Jesus, sou um homem morto!

 “O mundo está longe de Deus e por isso não tem a paz”, “ Vim aproximá-los do Coração de Deus”, assim diz Ela e assim faz.

 SANTIDADE: para a maioria dos cristãos....é um horror! Fugir dela, pois : de manhã, renuncia, ao meio dia, renuncia, à tarde, mais renuncia e à noite, nova renuncia! Mas nós queremos respirar, viver, explodir! E os pobres santos, que provações não tiveram! Agonias da alma e do corpo... não! Nós queremos aproveitar as boas coisas da vida, nós queremos a felicidade! Quem sou eu para desejar a santidade? Será que vou fazer milagres, levitar, multiplicar os pães? Nem sonhar! Tudo isto é para pessoas muito raras, gente muito especial que nasceu na água benta. Eu sou normal, como todo mundo. E depois seria orgulho pensar que um coitado como eu possa tornar-se um santo!

 “ Queridos filhos, eu sei que entre vocês, muitos têm medo da santidade...”
“Kadosh”, santo, quer dizer “Separado” em hebreu. Assim como Deus separou a luz das trevas, assim como se separa o trigo do joio. Sou Santo quando não sou do mundo, apesar de estar no mundo. Sou “posto à parte” desde o meu batismo, para pertencer à Deus. É Ele que me faz participar de sua própria santidade, pois só Ele é Santo! Nossa Senhora pediu aos jovens do Grupo de Oração que não imitassem os outros jovens que só vão em busca dos prazeres deste mundo.

Em Medjugorje, Nossa Senhora tranquiliza todos que têm medo da santidade: longe de ser aquele que “não tem direito à sobremesa”, o santo é aquele que tem no coração a plenitude do amor. E este é o desejo mais profundo de todo homem.

 “Sem a santidade, vocês não podem viver” , diz Ela. “Inconscientemente vocês se colocam nas mãos de satanás”diz Nossa Senhora. Sabem qual é o melhor meio de se colocarem nas mãos de satanás? É fácil! Basta fazer o que todo mundo faz. Não tem erro. Ao contrário, se vocês fizerem o que o Evangelho e o que Nossa Senhora nos dizem para fazer, também não tem erro, vocês se colocam nas mãos de Deus e terão tudo o que procuram. Se vocês viverem a santidade, o mundo faminto de Deus será como que sugado, ele virá a voces e perguntará, como aqueles jovens comunistas de Saravejo perguntaram a MIRJANA:”Estamos vendo que você tem algo que nós não temos. Uma paz, uma felicidade... Nós também queremos isso! Conte-nos, como você faz!” 

CORAÇÃO: “Amará o senhor teu Deus de todo o teu coração”.. Levav, coração em hebreu, inclui as boas e más inclinações O versículo do Deuteronômio citado por Jesus significa: no seu coração, há carne e há pedra. Nenhum coração humano é só carne ou só pedra. Há uma parte dominante de carne e uma parte dominante de pedra. Deus é aquele que transforma a pedra em fonte de água. Ame a Deus com tudo o que você é e, aos poucos, ele transformará em carne aquilo que é de pedra.. É isso que Maria quer dizer nesta mensagem.

 Fonte Medjugorje, anos 90 – Irmã Emmanuel
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by