Continuem a crescer na paz, na reconciliação, no amor - Pe. Slavko

terça-feira, 17 de abril de 2012


“O que Nossa Senhora quer de nós? A primeira mensagem é Sua presença. Perguntei a Ivanka: ‘O que devo dizer aos peregrinos? Devo falar de medo ou de esperança?’. ‘De esperança, porque Nossa Senhora não veio para condenar-nos, mas para salvar-nos’.

Nossa Senhora está presente aqui e, devido à Sua presença, pode-se explicar tudo que há tanto tempo acontece aqui. É algo muito estranho, mas para nós tornou-se uma coisa normal, quotidiana.

Nossa Senhora pede paz, conversão, fé, oração, jejum, como diretivas para nossa vida, e concretamente pede diariamente o Creio, sete Pai-nossos, o Rosário completo, a leitura da Bíblia, o jejum duas vezes por semana e a confissão mensal. Estas são as coisas concretas que Nossa Senhora pede de nós. Ela pede, naturalmente, que rezemos com o coração, que demos tempo à oração, que nos tornemos ativos na oração, que a nossa Missa se torne uma experiência viva de Deus. Mas em tudo isso, Nossa Senhora nos pede que, na oração, nós nos abramos ao convite do Senhor, a este convite à paz, à reconciliação: Ela quer salvar-nos.

Nestes dias, quero fazer aceno a uma coisa: a paz. Todos os dias Nossa Senhora reza com os videntes pela paz e todos nós somos convidados à paz.

Os videntes dizem: ‘paz, reconciliação’, e só repetem as palavras que Nossa Senhora lhes pede que nos transmitam. E eu creio poder dizer, pela minha experiência aqui em Medjugorje, que muitos corações, se não todos, que aqui vieram e começaram a rezar e a jejuar, sentiram este convite à paz. Somente o Céu e ninguém mais neste mundo pode dizer a palavra de paz, convidar-nos à paz, a um nível em que possamos crer que a paz seja possível. A julgar pelo que está acontecendo conosco, eu acho que posso dizer que a linha espiritual, a linha de fé, aceitou as mensagens, porque é uma mensagem do Evangelho, e aceitou também a prática. Pelo que podemos ver, esta mensagem se difunde em todo o mundo e Nossa Senhora já alcançou muitos também de outras igrejas, anglicanos, protestantes, batistas.

Um pastor anglicano esteve aqui por três semanas e disse: ‘Eu entendi uma coisa: Nossa Senhora não me pede que eu me converta à Igreja Católica, mas que eu me torne melhor, porque também eu tenho o Evangelho’. Mais tarde, ele tornou a vir aqui e me disse: ‘Quando voltei para casa, comecei a falar com os meus amigos e iniciamos quase trinta grupos de oração, anglicanos, batistas, protestantes, pentecostais. Alguns membros destes grupos de oração são também budistas e ateus. Eles disseram que se uma Nossa Senhora, que se chama Rainha da Paz, nos convida a rezar, eles também o farão’.

E este é um grande milagre para o anglicano que me disse: ‘Padre, você sabe que Nossa Senhora não tem um grande lugar em nossas igrejas, quase foi expulsa; e agora nos chama e esta mensagem está-se difundindo’.

Analisando as mensagens, podemos dizer que Nossa Senhora nos convida à oração para termos uma alegria mais profunda, para resolvermos as situações difíceis, para superarmos o cansaço.

Quanto a isso, podemos tornar-nos egoístas: se você rezar, sentirá alegria, superará o cansaço, resolverá seus problemas. No entanto, se continuarmos a crescer na paz, na reconciliação, na força espiritual, no amor, todos ganharão muito conosco, até todo o mundo.

Não se pode esperar dos outros este convite à paz, deve-se começar por si mesmo e este é o caminho mais difícil, porque é mais fácil convidar os outros à paciência do que ser paciente pessoalmente, é mais fácil convidar os outros ao perdão do que perdoar. Devemos começar por nós. Se nós, cristãos, começarmos a viver radicalmente a mensagem do Evangelho que Nossa Senhora repete aqui, o mundo estará mais próximo da paz. E isso é muito importante: sentir-nos um pouco responsáveis por tudo aquilo que acontece, embora não sejamos presidentes das nações ou dos estados, não importa: a paz depende de todos nós, da tua oração, do teu comportamento.

Aqui se sente a presença muito próxima de Nossa Senhora , muito materna, amiga. Para mim não é mais estranho quando os videntes chegam e dizem: ‘A Rainha da Paz disse isso...’. É como se alguém estivesse conosco e dissesse: ‘Faça isso ou aquilo’. Todos aqueles que vêm aqui e começam a rezar, sentem a Sua presença, a Sua voz.”
Padre Slavko

Traduzido do italiano para o português por Tania
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by