Domingo III Semana da Quaresma

domingo, 11 de março de 2012

LAUDES V. Vinde, ó Deus, em meu auxílio. R. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Hino Humildes, ajoelhados na prece que a fé inspira, ao justo Juiz roguemos que abrande o rigor da ira. Ferimos por nossas culpas o vosso infinito amor. A vossa misericórdia do alto infundi, Senhor. Nós somos, embora frágeis, a obra de vossa mão; a honra do vosso nome a outros não deis, em vão. Senhor, destruí o mal, fazei progredir o bem; possamos louvar-vos sempre, e dar-vos prazer também. Conceda o Deus Uno e Trino, que a terra e o céu sustém, que a graça da penitência dê frutos em nós. Amém. Salmodia Ant. 1 Bem mais forte que o fragor das grandes águas, é a força da palavra do Senhor. Salmo 92(93) A grandeza do Deus Criador O Senhor, nosso Deus, o Todo-poderoso passou a reinar. Fiquemos alegres e contentes, e demos glória a Deus! (Ap 19,6-7). –1 Deus é Rei e se vestiu de majestade, * revestiu-se de poder e de esplendor! = Vós firmastes o universo inabalável, † 2 vós firmastes vosso trono desde a origem, * desde sempre, ó Senhor, vós existis! =3 Levantaram as torrentes, ó Senhor, † levantaram as torrentes sua voz, * levantaram as torrentes seu fragor. – =4 Muito mais do que o fragor das grandes águas, † muito mais do que as ondas do oceano, * poderoso é o Senhor nos altos céus! =5 Verdadeiros são os vossos testemunhos, † refulge a santidade em vossa casa, * pelos séculos dos séculos, Senhor! – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Ant. Bem mais forte que o fragor das grandes águas, é a força da palavra do Senhor. Ant. 2 Fontes e nascentes, bendizei o Senhor, louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim! Cântico Dn 3,57-88.56 Louvor das criaturas ao Senhor Louvai o nosso Deus, todos os seus servos (Ap 19,5). –57 Obras do Senhor, bendizei o Senhor, * louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim! –58 Céus do Senhor, bendizei o Senhor! * 59 Anjos do Senhor, bendizei o Senhor! (R. Louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim! Ou: R. A Ele glória e louvor eternamente!) –60 Águas do alto céu, bendizei o Senhor! * 61 Potências do Senhor, bendizei o Senhor! –62 Lua e sol, bendizei o Senhor! * 63 Astros e estrelas, bendizei o Senhor!(R.) –64 Chuvas e orvalhos, bendizei o Senhor! * 65 Brisas e ventos, bendizei o Senhor! –66 Fogo e calor, bendizei o Senhor! * 67 Frio e ardor, bendizei o Senhor!(R.) –68 Orvalhos e garoas, bendizei o Senhor! * 69 Geada e frio, bendizei o Senhor! –70 Gelos e neves, bendizei o Senhor! * 71 Noites e dias, bendizei o Senhor!(R.) –72 Luzes e trevas, bendizei o Senhor! * 73 Raios e nuvens, bendizei o Senhor! –74 Ilhas e terra, bendizei o Senhor! * Louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim! (R.) –75 Montes e colinas, bendizei o Senhor! * 76 Plantas da terra, bendizei o Senhor! –77 Mares e rios, bendizei o Senhor! * 78 Fontes e nascentes, bendizei o Senhor!(R.) –79 Baleias e peixes, bendizei o Senhor! * 80 Pássaros do céu, bendizei o Senhor! –81 Feras e rebanhos, bendizei o Senhor! * 82 Filhos dos homens, bendizei o Senhor!(R.) –83 Filhos de Israel, bendizei o Senhor! * Louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim! –84 Sacerdotes do Senhor, bendizei o Senhor! * 85 Servos do Senhor, bendizei o Senhor!(R.) –86 Almas dos justos, bendizei o Senhor! * 87 Santos e humildes, bendizei o Senhor! –88 Jovens Misael, Ananias e Azarias, * louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim! (R.) – Ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo * louvemos e exaltemos pelos séculos sem fim! –56 Bendito sois, Senhor, no firmamento dos céus! * Sois digno de louvor e de glória eternamente! (R.) Ant. Fontes e nascentes, bendizei o Senhor, louvai-o e exaltai-o pelos séculos sem fim! Ant. 3 Reis da terra, povos todos, bendizei o nosso Deus! Salmo 148 Glorificação do Deus Criador Ao que está sentado no trono e ao Cordeiro, o louvor e a honra, a glória e o poder para sempre (Ap 5,13). –1 Louvai o Senhor Deus nos altos céus, * † louvai-o no excelso firmamento! –2 Louvai-o, anjos seus, todos louvai-o, * louvai-o, legiões celestiais! –3 Louvai-o, sol e lua, e bendizei-o, * louvai-o, vós estrelas reluzentes! –4 Louvai-o, céus dos céus, e bendizei-o, * e vós, águas que estais por sobre os céus. –5 Louvem todos e bendigam o seu nome, * porque mandou e logo tudo foi criado. –6 Instituiu todas as coisas para sempre, * e deu a tudo uma lei que é imutável. –7 Louvai o Senhor Deus por toda a terra, * grandes peixes e abismos mais profundos; –8 fogo e granizo, e vós, neves e neblinas, * furacões que executais as suas ordens. –9 Montes todos e colinas, bendizei-o, * cedros todos e vós, árvores frutíferas; –10 feras do mato e vós, mansos animais, * todos os répteis e os pássaros que voam. –11 Reis da terra, povos todos, bendizei-o, * e vós, príncipes e todos os juízes; –12 e vós, jovens, e vós, moças e rapazes,* anciãos e criancinhas, bendizei-o! –13 Louvem o nome do Senhor, louvem-no todos, * porque somente o seu nome é excelso! – A majestade e esplendor de sua glória * ultrapassam em grandeza o céu e a terra. –14 Ele exaltou seu povo eleito em poderio * ele é o motivo de louvor para os seus santos. – É um hino para os filhos de Israel, * este povo que ele ama e lhe pertence. – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Ant. Reis da terra, povos todos, bendizei o nosso Deus! Leitura breve Ne 8,9b.10b Este é um dia consagrado ao Senhor, vosso Deus! Não fiqueis tristes nem choreis. Pois este dia é santo para o nosso Senhor. Não fiqueis tristes, porque a alegria do Senhor será a vossa força. Responsório breve R. A alegria do Senhor é nossa força e amparo. * Sois bendito, Senhor Deus, de geração em geração. R. A alegria. V. Seja bendito vosso nome glorioso, que céu e terra vos exaltem, sem cessar! * Sois bendito. Glória ao Pai. R. A alegria. CÂNTICO EVANGÉLICO(BENEDICTUS) Lc 1,68-79 Ant. Destruí este templo, disse Cristo, e em três dias haverei de reerguê-lo. Ele falava do templo do seu corpo. O Messias e seu Precursor –68 Bendito seja o Senhor Deus de Israel, * porque a seu povo visitou e libertou; –69 e fez surgir um poderoso Salvador * na casa de Davi, seu servidor, –70 como falara pela boca de seus santos, * os profetas desde os tempos mais antigos, –71 para salvar-nos do poder dos inimigos * e da mão de todos quantos nos odeiam. –72 Assim mostrou misericórdia a nossos pais, * recordando a sua santa Aliança –73 e o juramento a Abraão, o nosso pai, * de conceder-nos 74 que, libertos do inimigo, = a ele nós sirvamos sem temor † 75 em santidade e em justiça diante dele, * enquanto perdurarem nossos dias. =76 Serás profeta do Altíssimo, ó menino, † pois irás andando à frente do Senhor * para aplainar e preparar os seus caminhos, –77 anunciando ao seu povo a salvação, * que está na remissão de seus pecados; –78 pela bondade e compaixão de nosso Deus, * que sobre nós fará brilhar o Sol nascente, –79 para iluminar a quantos jazem entre as trevas * = e na sombra da morte estão sentados e para dirigir os nossos passos, * guiando-os no caminho da paz. – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Ant. Destruí este templo, disse Cristo, e em três dias haverei de reerguê-lo. Ele falava do templo do seu corpo. Preces Bendigamos o nosso Redentor que na sua bondade nos concede este tempo de salvação; e supliquemos: R. Criai em nós, Senhor, um espírito novo! Cristo, nossa vida, que pelo batismo nos sepultastes sacramentalmente convosco na morte para que também convosco ressuscitemos, – ajudai-nos hoje a ser fiéis à vida nova que recebemos. R. Senhor Jesus, que passastes pelo mundo fazendo o bem, – tornai-nos solícitos pelo bem comum de toda a humanidade. R. Ensinai-nos a trabalhar generosamente na construção da cidade terena, – e ao mesmo tempo buscar a cidade celeste. R. Médico dos corpos e das almas, curai as feridas do nosso coração, – para progredirmos continuamente no caminho da santidade. R. (intenções livres) Pai nosso... Oração Ó Deus, fonte de toda misericórdia e de toda bondade, vós nos indicastes o jejum, a esmola e a oração como remédio contra o pecado. Acolhei esta confissão da nossa fraqueza para que, humilhados pela consciência de nossas faltas, sejamos confortados pela vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Conclusão da Hora O Senhor nos abençoe, nos livre de todo o mal e nos conduza à vida eterna. Amém. Hora Média V. Vinde, ó Deus em meu auxílio. R. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Hino O número sagrado, três vezes três das horas, abrindo um novo espaço, nos chama à prece, agora. Ao nome de Jesus, perdão seu povo implora. O Cristo ouviu a prece sincera do ladrão. A graça foi-lhe dada, por sua confissão. Jesus ouvindo a súplica, também nos dê perdão. Agora morre a morte, vencida pela cruz; após as trevas densas, serena, volta a luz; o horror do mal se quebra, nas mentes Deus reluz. A Cristo nós rogamos e ao Pai, eterno Bem, com seu Divino Espírito, amor que os sustém, proteja sua Igreja agora e sempre. Amém. Salmodia -- salmodia complementar -- Ant. Sejamos firmes na provação: Sua justiça é nossa força. Salmo 117(118) Canto de alegria e salvação Ele é a pedra, que vós, os construtores, desprezastes, e que se tornou a pedra angular (At 4,11). I –1 Dai graças ao Senhor, porque ele é bom! * 'Eterna é a sua misericórdia!' –2 A casa de Israel agora o diga: * 'Eterna é a sua misericórdia!' –3 A casa de Aarão agora o diga: * 'Eterna é a sua misericórdia!' –4 Os que temem o Senhor agora o digam: * 'Eterna é a sua misericórdia!' –5 Na minha angústia eu clamei pelo Senhor, * e o Senhor me atendeu e libertou! –6 O Senhor está comigo, nada temo; * o que pode contra mim um ser humano? –7 O Senhor está comigo, é o meu auxílio, * hei de ver meus inimigos humilhados. –8 É melhor buscar refúgio no Senhor, * do que pôr no ser humano a esperança; –9 é melhor buscar refúgio no Senhor, * do que contar com os poderosos deste mundo! – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. II –10 Povos pagãos me rodearam todos eles, * mas em nome do Senhor os derrotei; –11 de todo lado todos eles me cercaram, * mas em nome do Senhor os derrotei; =12 como um enxame de abelhas me atacaram, † como um fogo de espinhos me queimaram, * mas em nome do Senhor os derrotei. –13 Empurraram-me, tentando derrubar-me, * mas veio o Senhor em meu socorro. –14 O Senhor é minha força e o meu canto, * e tornou-se para mim o Salvador. –15 'Clamores de alegria e de vitória* ressoem pelas tendas dos fiéis. =16 A mão direita do Senhor fez maravilhas, † a mão direita do Senhor me levantou, * a mão direita do Senhor fez maravilhas!' –17 Não morrerei, mas, ao contrário, viverei * para cantar as grandes obras do Senhor! –18 O Senhor severamente me provou, * mas não me abandonou às mãos da morte. – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. III –19 Abri-me vós, abri-me as portas da justiça; * quero entrar para dar graças ao Senhor! –20 'Sim, esta é a porta do Senhor, * por ela só os justos entrarão!' –21 Dou-vos graças, ó Senhor, porque me ouvistes * e vos tornastes para mim o Salvador! –22 'A pedra que os pedreiros rejeitaram, * tornou-se agora a pedra angular. –23 Pelo Senhor é que foi feito tudo isso: * Que maravilhas ele fez a nossos olhos! –24 Este é o dia que o Senhor fez para nós, * alegremo-nos e nele exultemos! –25 Ó Senhor, dai-nos a vossa salvação, * ó Senhor, dai-nos também prosperidade!' –26 Bendito seja, em nome do Senhor, * aquele que em seus átrios vai entrando! – Desta casa do Senhor vos bendizemos. * 27 Que o Senhor e nosso Deus nos ilumine! – Empunhai ramos nas mãos, formai cortejo, * aproximai-vos do altar, até bem perto! –28 Vós sois meu Deus, eu vos bendigo e agradeço! * Vós sois meu Deus, eu vos exalto com louvores! –29 Dai graças ao Senhor, porque ele é bom! * 'Eterna é a sua misericórdia!' – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Ant. Sejamos firmes na provação: Sua justiça é nossa força. Leitura breve Dt 4,29-31 Quando buscares o Senhor teu Deus, tu o encontrarás, se o buscares com todo o teu coração e com toda a tua alma. Na tua angústia, depois que tiverem acontecido contigo todas as coisas que foram preditas, nos últimos tempos, tu voltarás para o Senhor teu Deus, e ouvirás a sua voz. Pois o Senhor teu Deus é um Deus misericordioso, que não te abandona, que não te extinguirá inteiramente, nem se esquecerá da aliança que, sob juramento, estabeleceu com teus pais. V. Meu sacrifício é minha alma penitente. R. Não desprezeis um coração arrependido! Oração Ó Deus, fonte de toda misericórdia e de toda bondade, vós nos indicastes o jejum, a esmola e a oração como remédio contra o pecado. Acolhei esta confissão da nossa fraqueza para que, humilhados pela consciência de nossas faltas, sejamos confortados pela vossa misericórdia. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Conclusão da Hora V. Bendigamos ao Senhor. R. Graças a Deus. COMPLETAS V. Vinde, ó Deus, em meu auxílio. R. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Depois, recomenda-se o exame de consciência (...) Hino Agora que o clarão da luz se apaga, a vós nós imploramos, Criador: com vossa paternal misericórdia, guardai-nos sob a luz do vosso amor. Os nossos corações sonhem convosco: no sono, possam eles vos sentir. Cantemos novamente a vossa glória ao brilho da manhã que vai surgir. Saúde concedei-nos nesta vida, as nossas energias renovai; da noite a pavorosa escuridão com vossa claridade iluminai. Ó Pai, prestai ouvido às nossas preces, ouvi-nos por Jesus, nosso Senhor, que reina para sempre em vossa glória, convosco e o Espírito de Amor. Salmodia Ant. Não temerás terror algum durante a noite: o Senhor te cobrirá com suas asas. Salmo 90(91) Sob a proteção do Altíssimo Eu vos dei o poder de pisar em cima de cobras e escorpiões (Lc 10,19). –1 Quem habita ao abrigo do Altíssimo * e vive à sombra do Senhor onipotente, –2 diz ao Senhor: 'Sois meu refúgio e proteção, * sois o meu Deus, no qual confio inteiramente'. –3 Do caçador e do seu laço ele te livra. * Ele te salva da palavra que destrói. –4 Com suas asas haverá de proteger-te, * com seu escudo e suas armas, defender-te. –5 Não temerás terror algum durante a noite, * nem a flecha disparada em pleno dia; –6 nem a peste que caminha pelo escuro, * nem a desgraça que devasta ao meio-dia; =7 Podem cair muitos milhares a teu lado, † podem cair até dez mil à tua direita: * nenhum mal há de chegar perto de ti. –8 Os teus olhos haverão de contemplar * o castigo infligido aos pecadores; –9 pois fizeste do Senhor o teu refúgio, * e no Altíssimo encontraste o teu abrigo. –10 Nenhum mal há de chegar perto de ti, * nem a desgraça baterá à tua porta; –11 pois o Senhor deu uma ordem a seus anjos * para em todos os caminhos te guardarem. –12 Haverão de te levar em suas mãos, * para o teu pé não se ferir nalguma pedra. –13 Passarás por sobre cobras e serpentes, * pisarás sobre leões e outras feras. –14 'Porque a mim se confiou, hei de livrá-lo * e protegê-lo, pois meu nome ele conhece. –15 Ao invocar-me hei de ouvi-lo e atendê-lo, * e a seu lado eu estarei em suas dores. = Hei de livrá-lo e de glória coroá-lo, † 16 vou conceder-lhe vida longa e dias plenos, * e vou mostrar-lhe minha graça e salvação'. – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Ant. Não temerás terror algum durante a noite: o Senhor te cobrirá com suas asas. Leitura breve Ap 22,4-5 Verão a sua face e o seu nome estará sobre suas frontes. Não haverá mais noite: não se precisará mais da luz da lâmpada, nem da luz do sol, porque o Senhor Deus vai brilhar sobre eles e eles reinarão por toda a eternidade. Responsório breve R. Senhor, em vossas mãos * Eu entrego o meu espírito. R. Senhor. V. Vós sois o Deus fiel, que salvastes vosso povo. * Eu entrego. Glória ao Pai. R.Senhor. Cântico evangélico, ant. Salvai-nos, Senhor, quando velamos, guardai-nos também quando dormimos! Nossa mente vigie com o Cristo, nosso corpo repouse em sua paz! Cântico de Simeão Lc 2,29-32 Cristo, luz das nações e glória de seu povo –29 Deixai, agora, vosso servo ir em paz, * conforme prometestes, ó Senhor. –30 Pois meus olhos viram vossa salvação * 31 que preparastes ante a face das nações: –32 uma Luz que brilhará para os gentios * e para a glória de Israel, o vosso povo. – Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. * Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Ant. Salvai-nos, Senhor, quando velamos, guardai-nos também quando dormimos! Nossa mente vigie com o Cristo, nosso corpo repouse em sua paz! Oração Depois de celebrarmos neste dia a ressurreição do vosso Filho, nós vos pedimos, humildemente, Senhor, que descansemos seguros em vossa paz e despertemos alegres para cantar vosso louvor. Por Cristo, nosso Senhor. Amém. O Senhor todo-poderoso nos conceda uma noite tranqüila e, no fim da vida, uma morte santa. R. Amém. Antífona final de Nossa Senhora Ave, Rainha do céu; ave, dos anjos Senhora; ave, raiz, ave, porta; da luz do mundo és aurora. Exulta, ó Virgem tão bela, as outras seguem-te após; nós te saudamos: adeus! E pede a Cristo por nós! Virgem Mãe, ó Maria!
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by