Manifestação de apoio ao episcopado uruguaio

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Caros amigos defensores da VIDA,

Segue abaixo, uma Carta modelo, alguns endereços de e-mails, para podermos juntos manifestarmos a nosso amor a deus e a vida. Vamos manifestar o nosso apoio aos bispos do Uruguay por suas posições corajosas em defesa da vida humana; uma vez que o país corre sério risco de legalizar o aborto muito em breve. Precisamos escrever para eles, para que, percebendo-se amparados e estimulados por tantos e tantos cidadãos uruguaios e latinoamericanos, possam entrar para vencer a batalha a favor dos "ninõs no nascidos".

Trata-se de um momento crucial o que está acontecendo no Uruguai. Infelizmente, caso o aborto seja legalizado em março lá, a Argentina será a próxima e, como um efeito dominó, o resto da América Latina. Anexo e abaixo, segue uma carta que redigi para enviar aos bispos do Uruguai.

A carta pode ser escrita em qualquer língua. Identifique sua nacionalidade para que eles vejam a repercussão do problema do Uruguai.

Pediria também, encarecidamente, que enviassem a outros contatos para que eles também se manifestem aos bispos parabenizando-lhes pela corajosa posição pró-vida adotada até o momento.

Por favor, façamos a nossa parte,  não perderemos tempo mandano alguns e-mails, pois a "Vida" do Homem valeu a Deus todo o sangue de seu divino Filho; não poderíamos também nós doar um pouco de nosso tempo e atenção para impedir que tanto sangue inocente também seja cruelmente derramado?

Um abraço e Deus abençoe sempre.

Carta Modelo
São Paulo, xxxxxxx de 2012.
Vossa Excelência Reverendíssima

    Me chamo xxxxxxxxxx e escrevo desde o Brasil. O motivo desta mensagem é dar os meus mais sinceros parabéns a V. Exa. por sua corajosa atuação em defesa da vida das crianças não-nascidas, ao se manifestar de forma tão brilhantemente embasada, largamente documentada e comprovada, sobre a estratégia do movimento pró-aborto para conseguir legalizar o aborto em toda a América Latina, com especial atenção, atualmente, no Uruguay.
    Como disse acima, sou brasileiro e, durante as últimas eleições presidenciais de meu país, ocorridas em 2010, nós testemunhamos como o tema do aborto foi, pela primeira vez em nossa história, decisivo no processo eleitoral. A candidata favorita a vencer as eleições (Dilma Rousseff) poderia tê-las vencido no primeiro turno caso não houvesse sido amplamente divulgado um documento do Regional Sul-1 (Estado de São Paulo) da Conferência Episcopal Brasileira, exortando os fieis a não votarem em candidatos e partidos a favor do aborto (o Partido dos Trabalhadores “PT”, da candidata Dilma é favorável ao aborto em seu estatuto). Este documento, fiel aos ensinamentos de Jesus Cristo que veio para que todos tivéssemos vida e vida em abundância, causou tamanha repercussão, que a candidata perdeu o primeiro turno e somente conseguiu se eleger no segundo após assegurar aos brasileiros que não avançaria na direção da legalização do aborto durante seu mandato presidencial.
    Pouquíssimos, na verdade, foram os bispos brasileiros que corajosamente se opuseram energicamente ao PT abortista. Um deles foi Dom Luiz Gonzaga Bergonzini, bispo atualmente emérito da Diocese de Guarulhos, que corajosamente escreveu diversos artigos, durante o período eleitoral denunciando o compromisso do PT com a legalização do aborto. Podemos dizer que, graças a ele e outros poucos bispos, o Brasil ainda pode respirar um pouco aliviado porque não haverá tão cedo uma iniciativa forte para legalizar o genocídio dos inocentes. Eu, como leigo católico, fico maravilhado em ver como a manifestação de um único bispo, mesmo com todas as pressões em contrário foi capaz de efetivamente mudar os rumos de uma nação e livrar da morte tantas e tantas crianças.
    Estamos acompanhando, preocupados, o caso do Uruguay e sabemos a que duras penas os senhores bispos estão sendo submetidos por corajosamente defenderem a causa dos não-nascidos. Eu, gostaria de agradecer-lhes, emocionado, por tamanho testemunho de coragem e amor a Jesus e sua Igreja. Desejo aos senhores bispos todos os dons do Santo Espírito, em grande abundância, para que possam defender com Fortaleza o rebanho a vós confiado e não sejam desamparados pela força que vem do alto, neste momento difícil para a Igreja Católica uruguaia.
    Despeço-me comprometido em orar pela Igreja do Uruguai e por essa nação tão cara a nós brasileiros, para que Nossa Senhora de Guadalupe, imperatriz da América Latina, a livre da maldição do aborto.
    Filialmente,
xxxxxxxxxx
São Paulo-Brasil

ENVIE PARA:
TODOS OS E-MAILS
ceusecre@adinet.com.uy;
obispadodesalto@adinet.com.uy;
recepciontbo@adinet.com.uy; 
ceutbo@adinet.com.uy;
ceurivera@adinet.com.uy; 
obispadodemelo@hotmail.com;
vicariapastoralmelo@gmail.com; 
frmabbtd@adinet.com.uy;
obispojaime@gmail.com; 
ceumaldo@adinet.com.uy;
cancilleria.can@adinet.com.uy; 
curiacan@adinet.com.uy;
pescre1@yahoo.com.ar, 
mariboz@hotmail.com;
vicariopastoral@gmail.com; 
cancilleria@arquidiocesis.net;
secretariadjunta@arquidiocesis.net; 
catsj@redfacil.com.uy;
obismerc@adinet.com.uy;





Compartilhe este artigo, evangelize! :

2 comentários:

  1. Bom dia, caros amigos sou literalmente contra o aborto não natural, no entanto também não sou a favor de nascimentos descontrolados e irresponsáveis. Tenho visto à minha volta gente que fazem filhos sem nenhum planejamento, quando na verdade eles mal conseguem se sustentar com o seu parco soldo que recebem como vão alimentar e educar seus filhos que viram? Quando a gente os questiona a resposta é aquela de sempre Deus cria . . . Acho que aí tem algum engano Deus não manda ninguem ser irresponsável, fazer filhos e abandoná-los na rua.

    ResponderExcluir
  2. Caro Pe. Mateus Maria:-

    Gostaria que fosse incluida nesta carta de apoio aos Bispos Uruguaios a seguinte pergunta:- O Uruguai é signatário do Tratado de Direitos Humanos de São José da Costa Rica??? Este tratado garante o Direito à Vida desde a Concepção!!! Se o Uruguai for signatário deste tratado, então a causa da vida estará salva no Uruguai, pois este tratado, nos países signatários, tem valor infraconstitucional, isto é está abaixo da Constituição, mas tem valor superior às leis ordinárias, o que significa que se o projeto de lei de aborto for aprovado pela Câmara de Deputados do Uruguai, poderá ser anulado no Supremo Tribunal do Uruguai, qualquer jurista poderá confirmar-lhe o que lhe estou escrevendo!!!
    Por favor, repasse estas informações acima citadas para os Bispos Uruguaios, para que eles possam tentar anular esta lei, caso o Uruguai seja signatário do Tratado de Direitos Humanos de São José da Costa Rica!!!
    Um grande abraço:-



    Alexandre Luiz Antonio da Luz
    Ex-Presidente da Sociedade Protetora dos Nascituros Imaculada Conceição de Maria
    Movimento oficial de defesa da vida nascitura da Arquidiocese de Curitiba

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by