Segunda Feira II Semana do Advento

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011




LAUDES
V. Vinde, ó Deus em meu auxílio.
R. Socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.
Esta introdução se omite quando o Invitatório precede imediatamente às Laudes.

Hino
Em meio à treva escura,
ressoa clara voz.
Os sonhos maus se afastem,
refulja o Cristo em nós.
Despertem os que dormem
feridos de pecado.
Um novo sol já brilha,
o mal vai ser tirado.
Do céu desce o Cordeiro
Que traz a salvação.
Choremos e imploremos
Das culpas o perdão.
E ao vir julgar o mundo
No dia do terror,
Não puna tantas culpas,
Mas venha com amor.
Ao Pai e ao seu Filho
poder e majestade,
e glória ao Santo Espírito
por toda a eternidade.

Salmo 41(42)

Sede de Deus e saudades do templo Quem tem sede, venha, e quem quiser, receba, de graça, a água da vida (Ap 22,17).

Ant. 1 Quando terei a alegria de ver vossa face, Senhor?

–2 Assim como a corça suspira *
pelas águas correntes,
– suspira igualmente minh’alma *
por vós, ó meu Deus!

–3 Minha alma tem sede de Deus, *
e deseja o Deus vivo.
– Quando terei a alegria de ver *
a face de Deus?

–4 O meu pranto é o meu alimento *
de dia e de noite,
– enquanto insistentes repetem: *
´Onde está o teu Deus?´

–5 Recordo saudoso o tempo *
em que ia com o povo.
– Peregrino e feliz caminhando *
para a casa de Deus,
– entre gritos, louvor e alegria *
da multidão jubilosa.

–6 Por que te entristeces, minh’alma, *
a gemer no meu peito?
– Espera em Deus! Louvarei novamente *
o meu Deus Salvador!

–7 Minh’alma está agora abatida, *
e então penso em vós,
– do Jordão e das terras do Hermon *
e do monte Misar.

–8 Como o abismo atrai outro abismo, *
ao fragor das cascatas,
– vossas ondas e vossas torrentes *
sobre mim se lançaram.

–9 Que o Senhor me conceda de dia *
sua graça benigna
– e de noite, cantando, eu bendigo *
ao meu Deus, minha vida.

–10 Digo a Deus: ´Vós que sois meu amparo, *
por que me esqueceis?
– Por que ando tão triste e abatido *
pela opressão do inimigo?´

–11 Os meus ossos se quebram de dor, *
ao insultar-me o inimigo;
– ao dizer cada dia de novo: *
´Onde está o teu Deus?´

–12 Por que te entristeces, minh’alma, *
a gemer no meu peito?
– Espera em Deus! Louvarei novamente *
o meu Deus Salvador!
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Quando terei a alegria de ver vossa face, Senhor?


Cântico Eclo 36,1-7.13-16

Súplica pela cidade santa, Jerusalém A vida eterna é esta: que eles te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e àquele que
tu enviaste, Jesus Cristo (Jo 17,3).

Ant. 2 Mostrai-nos, ó Senhor, vossa luz, vosso perdão!

–1 Tende piedade e compaixão, Deus do universo, *
e mostrai-nos vossa luz, vosso perdão!
–2 Espalhai vosso temor sobre as nações, *
sobre os povos que não querem procurar-vos,
– para que saibam que só vós é que sois Deus, *
e proclamem vossas grandes maravilhas. –

–3 Levantai a vossa mão contra os estranhos, *
para que vejam como é grande a vossa força.
–4 Como em nós lhes demonstrastes santidade, *
assim mostrai-nos vossa glória através deles,
–5 para que saibam e confessem como nós *
que não há um outro Deus, além de vós!

–6 Renovai vossos prodígios e portentos, *
7 glorificai o vosso braço poderoso!
–13 Reuni todas as tribos de Jacó, *
e recebam, como outrora, a vossa herança.

=14 Deste povo que é vosso, tende pena, †
e de Israel de quem fizestes primogênito, *
e a quem chamastes com o vosso próprio nome!
–15 Apiedai-vos de Sião, vossa cidade, *
o lugar santificado onde habitais!
–16 Enchei Jerusalém com vossos feitos, *
e vosso povo, com a luz de vossa glória!
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Mostrai-nos, ó Senhor, vossa luz, vosso perdão!


Salmo 18 A(19)

Louvor ao Deus Criador O sol que nasce do alto nos visitará, para dirigir nossos passos no caminho da paz (Lc
1,78.79).

Ant. 3 Sede bendito, Senhor, no mais alto dos céus.

–2 Os céus proclamam a glória do Senhor, *
e o firmamento, a obra de suas mãos;
–3 o dia ao dia transmite esta mensagem, *
a noite à noite publica esta notícia.

–4 Não são discursos nem frases ou palavras, *
nem são vozes que posam ser ouvidas;
–5 seu som ressoa e se espalha em toda a terra, *
chega aos confins do universo a sua voz. –

–6 Armou no alto uma tenda para o sol; *
ele desponta no céu e se levanta
– como um esposo do quarto nupcial, *
como um herói exultante em seu caminho.

–7 De um extremo do céu põe-se a correr *
e vai traçando o seu rastro luminoso,
– até que possa chegar ao outro extremo, *
e nada pode fugir ao seu calor.
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Sede bendito, Senhor, no mais alto dos céus.

Leitura breve Is 2.3
Vamos subir ao monte do Senhor, à casa do Deus de Jacó, para que ele nos mostre seus caminhos e nos ensine a cumprir seus preceitos;
porque de Sião provém a lei e de Jerusalém, a palavra do Senhor.

Responsório breve
R. Eis que vem vosso Deus Salvador!
* Eis vosso Deus e Senhor! R. Eis que vem.
V. O Senhor vem com força e poder.
* Eis vosso Deus. Glória ao Pai. R. Eis que vem.

CÂNTICO EVANGÉLICO (BENEDICTUS) Lc 1,68-79

Ant. Convertei-vos, nos diz o Senhor!
Está próximo o reino de Deus. Aleluia.
O Messias e seu Precursor

–68 Bendito seja o Senhor Deus de Israel, *
que a seu povo visitou e libertou;

–69 e fez surgir um poderoso Salvador *
na casa de Davi, seu servidor,

–70 como falara pela boca de seus santos, *
os profetas desde os tempos mais antigos,

–71 para salvar-nos do poder dos inimigos *
e da mão de todos quantos nos odeiam.

–72 Assim mostrou misericórdia a nossos pais, *
recordando a sua santa Aliança

–73 e o juramento a Abraão, o nosso pai, *
de conceder-nos 74 que, libertos do inimigo,

= a ele nós sirvamos sem temor †
75 em santidade e em justiça diante dele, *
enquanto perdurarem nossos dias.

=76 Serás profeta do Altíssimo, ó menino, †
pois irás andando à frente do Senhor *
para aplainar e preparar os seus caminhos,

–77 anunciando ao seu povo a salvação, *
que está na remissão de seus pecados;

–78 pelo amor do coração de nosso Deus, *
Sol nascente que nos veio visitar

–79 lá do alto como luz resplandecente *
a iluminar a quantos jazem entre as trevas

= e na sombra da morte estão sentados †
e para dirigir os nossos passos, *
guiando-nos no caminho da paz.

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Convertei-vos, nos diz o Senhor!
Está próximo o reino de Deus. Aleluia.

Preces
Oremos, irmãos caríssimos, a Cristo, nosso Redentor, que vem para
libertar do poder da morte todos os que se voltam para ele; e supliquemos com humilde confiança:

R. Vinde, Senhor Jesus!

Quando anunciarmos, Senhor, a vossa vinda,
- purificai o nosso coração de todo espírito de vaidade. R.

Santificai, Senhor, a Igreja que fundastes,
- para que glorifique o vosso nome por toda a terra. R.

Concedei, Senhor, que a vossa lei ilumine os olhos do nosso coração,
- e proteja os povos que em vós confiam. R.

Vós que, por meio da Igreja, anunciais ao mundo a alegria a vossa vinda,
- fazei que estejamos preparados para vos receber dignamente. R.
(intenções livres)

Pai nosso...

Oração
Cheguem à vossa presença, ó Deus, as nossas orações suplicantes,e possamos celebrar de coração puro o grande mistério da encarnação do vosso Filho. Que convosco vive e reina, na unidade do Espírito Santo.

Conclusão da Hora
Não havendo presbítero ou diácono e na recitação individual:
V. O Senhor nos abençoe, nos livre de todo mal e nos conduza à vida eterna.
R. Amém.

Se um presbítero ou diácono preside o Ofício:
V. O Senhor esteja convosco.
R. Ele está no meio de nós.
V. Abençoe-vos Deus todo poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo.
R. Amém.
V. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe.
R. Graças a Deus

VÉSPERAS
V. Vinde, ó Deus, em meu auxílio.
R. Socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia

Hino

Eterna luz dos homens,
dos astros Criador,
ouvi as nossas preces,
de todos Redentor.
Ao ver compadecido
do mundo a perdição,
em vosso amor viestes
trazer-lhe a salvação.
Se sombra do pecado
a tudo escurecia,
Esposo, vós saístes
do seio de Maria.
Ao simples ecoar
do vosso nome eterno,
joelhos vão dobrando
o céu, a terra, o inferno.
Um dia voltareis,
Juiz e Rei de tudo.
Oh daí-nos hoje a graça,
na tentação escudo.
Ao Pai e ao Filho glória,
ao Espírito também,
louvor, honra e vitória,
Agora e sempre. Amém

Salmo 44(45)

As núpcias do Rei O noivo está chegando. Ide ao seu encontro! (Mt 25,6).
Ant. 1 Sois tão belo, o mais belo entre os filhos dos homens!
Vossos lábios espalham a graça, o encanto.

I
=2 Transborda um poema do meu coração; †
vou cantar-vos, ó Rei, esta minha canção; *
minha língua é qual pena de um ágil escriba.

=3 Sois tão belo, o mais belo entre os filhos dos homens! †
Vossos lábios espalham a graça, o encanto, *
porque Deus, para sempre, vos deu sua bênção.

–4 Levai vossa espada de glória no flanco, *
herói valoroso, no vosso esplendor;
–5 saí para a luta no caro de guerra *
em defesa da fé, da justiça e verdade!

= Vossa mão vos ensine valentes proezas, †
6 vossas flechas agudas abatam os povos *
e firam no seu coração o inimigo!

=7 Vosso trono, ó Deus, é eterno, é sem fim; †
vosso cetro real é sinal de justiça: *
8 Vós amais a justiça e odiais a maldade.

= É por isso que Deus vos ungiu com seu óleo, †
deu-vos mais alegria que aos vossos amigos. *
9 Vossas vestes exalam preciosos perfumes.

– De ebúrneos palácios os sons vos deleitam. *
10 As filhas de reis vêm ao vosso encontro,
– e à vossa direita se encontra a rainha *
com veste esplendente de ouro de Ofir.
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.

Ant. Sois tão belo, o mais belo entre os filhos dos homens!
Vossos lábios espalham a graça, o encanto.

Ant. 2 Eis que vem o esposo chegando:
Saí ao encontro de Cristo!

II
–11 Escutai, minha filha, olhai, ouvi isto: *
‘Esquecei vosso povo e a casa paterna!
–12 Que o Rei se encante com vossa beleza! *
Prestai-lhe homenagem: é vosso Senhor!

–13 O povo de Tiro vos traz seus presentes, *
os grandes do povo vos pedem favores.
–14 Majestosa, a princesa real vem chegando, *
vestida de ricos brocados de ouro.

–15 Em vestes vistosas ao Rei se dirige, *
e as virgens amigas lhe formam cortejo;
–16 entre cantos de festa e com grande alegria, *
ingressam, então, no palácio real’.

–17 Deixareis vossos pais, mas tereis muitos filhos; *
fareis deles os reis soberanos da terra.
–18 Cantarei vosso nome de idade em idade, *
para sempre haverão de louvar-vos os povos!
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.

Ant. Eis que vem o esposo chegando:
Saí ao encontro de Cristo!


Cântico Ef 1,3-10

O plano divino da salvação
Ant. 3 Eis que agora se cumpre o desígnio do Pai:
reunir no seu Cristo o que estava disperso.
–3 Bendito e louvado seja Deus, *
o Pai de Jesus Cristo, Senhor nosso,
– que do alto céu nos abençoou em Jesus Cristo *
com bênção espiritual de toda sorte!

(R. Bendito sejais vós, nosso Pai,
que nos abençoastes em Cristo!)

–4 Foi em Cristo que Deus Pai nos escolheu, *
já bem antes de o mundo ser criado,
– para que fôssemos, perante a sua face, *
sem mácula e santos pelo amor. (R.)

=5 Por livre decisão de sua vontade, †
predestinou-nos, através de Jesus Cristo, *
a sermos nele os seus filhos adotivos,
–6 para o louvor e para a glória de sua graça,*
que em seu Filho bem-amado nos doou. (R.)

–7 É nele que nós temos redenção, *
dos pecados remissão pelo seu sangue.
= Sua graça transbordante e inesgotável †
8 Deus derrama sobre nós com abundância, *
de saber e inteligência nos dotando. (R.)

–9 E assim, ele nos deu a conhecer *
o mistério de seu plano e sua vontade,
– que propusera em seu querer benevolente, *
10 na plenitude dos tempos realizar:
– o desígnio de, em Cristo, reunir *
todas as coisas: as da terra e as do céu. (R.)

Ant. Eis que agora se cumpre o desígnio do Pai:
reunir no seu Cristo o que estava disperso.

Leitura breve Fl 3,20b-21
Aguardamos o nosso Salvador, o Senhor, Jesus Cristo. Ele transformará o nosso corpo humilhado e o tornará semelhante ao seu corpo glorioso,
com o poder que tem de sujeitar a si todas as coisas.

Responsório breve
R. A vós, ó Deus, a nossa gratidão:
* Vosso nome está perto. R. A vós, ó Deus.
V. De vós, Senhor, virá a renovação. * Vosso nome.
Glória ao Pai. R. A vós, ó Deus.

Cântico evangélico (MAGNIFICAT) Lc 1,46-55

Ant. Eis que vem o Senhor, grande Rei do universo;
quebrará os grilhões de seu povo cativo.
A alegria da alma no Senhor

–46 A minha alma engrandece ao Senhor *
47 e exulta meu espírito em Deus, meu Salvador;
–48 porque olhou para humildade de sua serva, *
doravante as gerações hão de chamar-me de bendita.

–49 O Poderoso fez em mim maravilhas *
e Santo é o seu nome!
–50 Seu amor para sempre se estende *
sobre aqueles que o temem;

–51 manifestou o poder de seu braço, *
dispersou os soberbos;
–52 derrubou os poderosos de seus tronos *
e elevou os humildes;
–53 saciou de bens os famintos, *
despediu os ricos sem nada.
–54 Acolheu Israel, seu servidor, *
fiel ao seu amor,

–55 como havia prometido a nossos pais, *
em favor de Abraão e de seus filhos, para sempre.

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Eis que vem o Senhor, grande Rei do universo;
quebrará os grilhões de seu povo cativo.

Preces
Supliquemos, irmãos caríssimos, a Cristo nosso Senhor, Juiz dos vivos e dos mortos; e digamos com toda a confiança:

R. Vinde, Senhor Jesus.
Fazei, Senhor, que o mundo reconheça a vossa justiça que os céus proclamam,
- para que a vossa glória habite nossa terra. R.

Senhor, que quisestes experimentar a fraqueza de nossa humanidade,
- revigorai os seres humanos com o poder de vossa divindade. R.

Vinde, Senhor, iluminar com o esplendor da vossa sabedoria,
- os que vivem oprimidos nas trevas da ignorância. R.

Senhor, que pela vossa humilhação nos libertastes de toda a iniqüidade,
- pela vossa glorificação, conduzi-nos à felicidade eterna. R.


(intenções livres)
Senhor, que haveis de vir com grande poder e glória para julgar o mundo,
- levai os nossos irmãos e irmãs falecidos para o reino dos céus. R.

Pai nosso...

Oração
Cheguem à vossa presença, ó Deus, as nossas orações suplicantes, e possamos celebrar de coração puro o grande mistério da encarnação do vosso Filho. Que convosco vive e reina, na unidade do Espírito Santo.

Conclusão da Hora
Não havendo presbítero ou diácono e na recitação individual:
V. O Senhor nos abençoe, nos livre de todo mal e nos conduza à vida eterna.
R. Amém.

Se um presbítero ou diácono preside o Ofício:
V. O Senhor esteja convosco.
R. Ele está no meio de nós.
V. Abençoe-vos Deus todo poderoso, Pai e Filho e Espírito Santo.
R. Amém.
V. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe.
R. Graças a Deus

Completas
V. Vinde, ó Deus, em meu auxílio.
R. Socorrei-me sem demora.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Depois, recomenda-se o exame de consciência (...)

Hino
Agora que o clarão da luz se apaga,
a vós nós imploramos, Criador:
com vossa paternal misericórdia,
guardai-nos sob a luz do vosso amor.

Os nossos corações sonhem convosco:
no sono, possam eles vos sentir.
Cantemos novamente a vossa glória
ao brilho da manhã que vai surgir.

Saúde concedei-nos nesta vida,
as nossas energias renovai;
da noite a pavorosa escuridão
com vossa claridade iluminai.

Ó Pai, prestai ouvido às nossas preces,
ouvi-nos por Jesus, nosso Senhor,
que reina para sempre em vossa glória,
convosco e o Espírito de Amor.

Salmodia
Ant. Ó Senhor, sois clemente e fiel,
sois amor, paciência e perdão!

Salmo 85(86)

Oração do pobre nas dificuldades Bendito seja Deus que nos consola em todas as noSsas aflições (2Cor 1,3.4).

–1 Inclinai, ó Senhor, vosso ouvido, *
escutai, pois sou pobre e infeliz!
=2 Protegei-me, que sou vosso amigo, †
e salvai vosso servo, meu Deus, *
que espera e confia em vós!

–3 Piedade de mim, ó Senhor, *
porque clamo por vós todo o dia!
–4 Animai e alegrai vosso servo, *
pois a vós eu elevo a minh´alma.

–5 Ó Senhor, vós sois bom e clemente, *
sois perdão para quem vos invoca.
–6 Escutai, ó Senhor, minha prece, *
o lamento da minha oração!

–7 No meu dia de angústia eu vos chamo, *
porque sei que me haveis de escutar.
–8 Não existe entre os deuses nenhum *
que convosco se possa igualar;
– não existe outra obra no mundo *
comparável às vossas, Senhor!

–9 As nações que criastes virão *
adorar e louvar vosso nome.
–10 Sois tão grande e fazeis maravilhas: *
vós somente sois Deus e Senhor!

–11 Ensinai-me os vossos caminhos, *
e na vossa verdade andarei;
– meu coração orientai para vós: *
que respeite, Senhor, vosso nome!

–12 Dou-vos graças com toda a minh´alma, *
sem cessar louvarei vosso nome!
–13 Vosso amor para mim foi imenso: *
retirai-me do abismo da morte!

=14 Contra mim se levantam soberbos, †
e malvados me querem matar; *
não vos levam em conta, Senhor!

–15 Vós, porém, sois clemente e fiel, *
sois amor, paciência e perdão.
=16 Tende pena e olhai para mim! †
Confirmai com vigor vosso servo, *
de vossa serva o filho salvai.

–17 Concedei-me um sinal que me prove *
a verdade do vosso amor.
– O inimigo humilhado verá *
que me destes ajuda e consolo.
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. ” Senhor, sois clemente e fiel,
sois amor, paciência e perdão!

Leitura breve 1Ts 5,9-10

Deus nos destinou para alcançarmos a salvação, por meio de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele morreu por nós, para que, quer vigiando nesta vida, quer adormecidos na morte, alcancemos a vida junto dele.

Responsório breve

R. Senhor, em vossas mãos
* Eu entrego o meu espírito. R.Senhor.
V. Vós sois o Deus fiel, que salvastes vosso povo.
* Eu entrego. Glória ao Pai. R.Senhor.

Cântico evangélico

Ant. Salvai-nos, Senhor, quando velamos,
guardai-nos também quando dormimos!
Nossa mente vigie com o Cristo,
nosso corpo repouse em sua paz!

Cântico de Simeão Lc 2,29-32

Cristo, luz das nações e glória de seu povo
–29 Deixai, agora, vosso servo ir em paz, *
conforme prometestes, ó Senhor.

–30 Pois meus olhos viram vossa salvação *
31 que preparastes ante a face das nações:

–32 uma Luz que brilhará para os gentios *
e para a glória de Israel, o vosso povo.
– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Salvai-nos, Senhor, quando velamos,
guardai-nos também quando dormimos!
Nossa mente vigie com o Cristo,
nosso corpo repouse em sua paz!

Oração

Concedei, Senhor, aos nossos corpos um sono restaurador, e fazei germinar para a messe eterna
as sementes do Reino, que hoje lançamos com nosso trabalho. Por Cristo, nosso Senhor.Amém.

O Senhor todo-poderoso nos conceda uma noite tranquila
e, no fim da vida, uma morte santa.
R. Amém.

Antífona final de Nossa Senhora
Salve, Rainha, Mãe de misericórdia,
vida doçura, esperança nossa, Salve!
A vós bradamos os degredados filhos de Eva,
a vós suspiramos gemendo e chorando
neste vale de lágrimas!
Eia, pois, Advogada nossa,
esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei,
e depois deste desterro mostrai-nos Jesus,
bendito fruto do vosso ventre!
Ó clemente, ó piedosa,
ó doce sempre Virgem Maria
Compartilhe este artigo, evangelize! :

0 comentários:

Deixe seu comentario

O que você achou do artigo... !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Support : | |
Copyright © 2011. Nossa Senhora de Medjugorje - All Rights Reserved
Template Created by Nossa Senhora de Medjugorje, Aparições de Nossa Senhora
Proudly powered by